Cultura

Foto: Divulgação

O filme recordista em indicação ao Oscar 2012, “O Artista”, entra em cartaz no Cine Cultura, Sala Sinhozinho, nesta sexta-feira, 30, às 19 horas. Na sessão das 21 horas, continua com a exibição de “A Dama de Ferro”, longa baseado na história da mulher mais poderosa do século XX, Margaret Thatcher, interpretado pela atriz Meryl Streep.

O Artista foi premiado com estatuetas do Oscar de melhor filme, ator, direção, trilha sonora e figurino e também vencedor de três globos de outro. Reúne diversas referências históricas da sétima arte em seu enredo, remetendo ao tempo onde o cinema era ainda marcado por gestos e expressões, por ser mudo e em preto e branco. “O filme é interessante e se arrisca em astuciosos jogos com forma e conteúdo, abordando de maneira insólita a estética do cinema hollywoodiano dos anos 20”, ressalta o historiador André Assunção.

O cinema popular de Palmas funciona de quarta a domingo e está localizado no Espaço Cultural José Gomes Sobrinho. O valor da entrada custa R$ 8,00 e R$ 4,00, para estudante, sendo que às quintas-feiras há a promoção “5ª popular” em que todos pagam meia (R$ 4,00). Mais informações no telefone 2111 2405.

Confira as sinopses

19 horas - O Artista

Na Hollywood de 1927, o astro do cinema mudo George Valentin (Jean Dujardin) começa a temer se a chegada do cinema falado fará com que ele perca espaço e acabe caindo no esquecimento. Enquanto isso, a bela Peppy Miller (Bérénice Bejo), jovem dançarina por quem ele se sente atraído, recebe uma oportunidade e tanto para trabalhar no segmento. Será o fim de sua carreira e de uma paixão? (com informações do site http://www.adorocinema.com)

21 horas - A Dama de Ferro

O longa mostra a história da ex-Primeira Ministra da Inglaterra Margaret Thatcher, com a saúde prejudicada, lutando contra o marasmo da sua aposentadoria e, vigorosamente, contra memórias de feitos do seu passado. Ela começará a relembrar os menores detalhes da vida pessoal e profissional, após ser provocada pelo seu marido, Dennis Thatcher, o que passará pela sua ascensão ao poder da Inglaterra dos anos 1980. Mas teria tudo valido a pena? Essa será a dúvida que conduzirá a narrativa. (Ascom FCP)