Polí­tica

O Tribunal de Contas do Estado confirmou que seis nomes de gestores foram retirados da lista de contas irregulares divulgada na tarde desta quinta-feira, 21. Por força de decisões liminares da justiça, os gestores Adalberto Leme de Andrade, Joseli Ângelo Agnolin, Stalin Juarez Gomes Bucar e Wilmar Martins Leite Júnior tiveram os nomes retirados da lista.

O ex-prefeito de Porto Nacional, Paulo Mourão (PT) que chegou a requerer a retirada de seu nome da lista também foi atendido pelo TCE. O nome dele e também o de Ronison Parente Santos foram colocados na lista indevidamente, como confirmou o próprio TCE.

“Cabe ressaltar que a relação dos gestores com contas julgadas irregulares poderá sofrer novas alteraçõesna medida em que surgir situação que a modifique”, informou o TCE.