Polí­tica

Foto: Tharson Lopes

A exposição Quilombos Emigrantes: A História do Cocalinho será aberta nesta quinta-feira, 28, às 10 horas, no Centro de Cultura da Comunidade Cocalinho, localizada no município de Santa Fé do Araguaia, norte do Estado do Tocantins. As 45 fotos que retratam o dia-a-dia quilombola permanecem por lá até sábado, 30, com encerramento às 22 horas.

Estarão presentes Emerson Silva, autor das fotos e idealizador do projeto, assim como o historiador responsável pelo inventário, Luciano Pereira, que ministrará as palestras sobre preservação da cultura quilombola.

Quilombos Emigrantes é a maior exposição da região norte em conjunto de ações e número de fotos. A exposição conta ainda com projeção fotográfica com falas e cantos tradicionais dos moradores de Cocalinho, palestras sobre a comunidade, mais de 2,5 mil catálogos fotográficos e 5 mil cartões postais que serão distribuídos, em parte, na rede de ensino público do Estado do Tocantins.

O trabalho já circulou por Palmas, Porto Nacional, Tocantinópolis e Araguaina e desembarca agora no ponto de partida, levando para a comunidade o seu próprio retrato.

O projeto foi o único selecionado na região Norte, categoria artes visuais do II Prêmio Nacional de Expressões Culturais Afro-Brasileiras, realizado pelo Cadon (Centro de Apoio ao Desenvolvimento Osvaldo dos Santos Neves) em parceria com a Fundação Palmares. O patrocínio que possibilitou a montagem da exposição é do Ministério da Cultura e da Petrobrás.

As imagens retratam a cultura e religiosidade da comunidade quilombola e foram captadas entre 2006 e 2010, em inventário pela Fundação Cultural do Tocantins/Secretaria da Cultura do Estado.

Programação

De hoje a 30/06 – Comunidade Cocalinho – Santa Fé do Araguaia

02 a 04/07 – UFT Campus Arraias

05 a 07/07 – UFT Campus Gurupi

09 a 15/07 – Feira Literária Internacional do Tocantins – Palmas

18 a 20/07 – UFT Campus Miracema

23 a 28/07 – UFT Campus Palmas

03 a 31/08 – Sesc – TO (Centro de Atividades – Palmas)