Palmas

Foto: Divulgação

O vereador Carlos Braga (PMDB) solicitou à Secretaria Municipal de Finanças a exclusão da relação da dívida ativa do exercício de 2012, pelo não pagamento do Imposto sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) a todos os proprietários de imóveis do Setor Morada do Sol II.

O pedido foi aprovado na Ordem do Dia votada nesta terça-feira, 7. “Este é conjunto habitacional de pessoas comprovadamente carentes e que são isentas de IPTU, eles foram lançadas erroneamente nesta lista de credores”, justificou.

Infraestrutura

Outras matérias que beneficiam diversas regiões de Palmas também foram aprovadas hoje. Constam solicitações de recapeamento asfáltico, ação tapa buraco e recuperação de ruas e avenidas da Capital. Ainda para o setor de infraestrutura, estão os pedidos de colocação de semáforos em faixas de pedestre e manutenção de iluminação pública. 

A construção e reforma de escolas, creches e quadras poliespotivas, inclusão de pontos de ônibus, reforma de ginásios de esporte, além de uma campanha de conscientização contra o lixo jogado nas vias públicas também são teores de proposituras que receberam anuência dos parlamentares.

Os autores dos requerimentos são os vereadores Aurismar Cavalcante (PSDB), José do Lago Folha Filho (PTN), Fernando Rezende (Dem),  Jucelino Rodrigues (PTC), Valdemar Júnior (Dem), Lúcio Campelo (PR) e Vânia Vidal (PDT). (Ascom Câmara de Palmas)