Polí­tica

Foto: Divulgação

O vereador Milton Neris (PR) disse, nesta quarta-feira, 29, estar tranquilo quanto à decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pela legalidade da sua candidatura à reeleição. O processo eleitoral a que responde refere-se à doação que fez, de R$ 15 mil, à campanha a deputado do então vereador Wanderlei Barbosa (PEN). A Justiça Eleitoral entendeu que, de acordo com a sua renda, ele só poderia ter doado R$ 13,7 mil e decidiu pela sua inelegibilidade por oito anos.

Milton Neris disse que seu contador cometeu um erro e que já apresentou a declaração de renda retificadora à Receita Federal, informando a propriedade de um veículo locado. O vereador entrou com recurso no TSE e o processo se encontra com o presidente do TSE, Ricardo Lewandowski.  

Dia do Soldado
A vereadora Divina Márcia (PTN) parabenizou os soldados, pelo transcurso da data comemorativa a eles, dia 25. Lembrou que diversos soldados participaram a missão ao Haiti, com brilhantismo. Na mesma data, lembrou a vereadora, Miracema fez aniversário. “Miracema foi o berço da nossa história”, disse Divina Márcia, aproveitando para parabenizar, também, os moradores da primeira capital do Tocantins. (Ascom CMP)