Estado

Foto: Divulgação

Desde janeiro deste ano os órgãos de vários poderes do Tocantins gastaram juntos mais de R$ 14 milhões apenas com pagamento de diárias para servidores. Em oito meses dentre o Executivo Estadual, legislativo e judiciário o Tribunal de Justiça foi o que mais gastou esse ano com diárias: quase um milhão e meio segundo dados que constam no Portal de Transparência.

  O Tribunal de Justiça registrou oscilação gradativa nos gastos com viagens. Começou o ano com apenas R$ 8 mil de despesa com diárias, em fevereiro passou para R$ 187 mil, março registrou R$ 183 mil, em abril foram pagos R$ 213 mil só de diárias segundo aponta o Portal. No mês de maio foram R$ 183 mil, em junho a despesa saltou para R$ 254 mil, o registro em julho foi de R$ 196 mil e de R$ 225 mil em agosto.

Já o Tribunal de Contas do Estado gastou mais de R$ 675 mil em diárias desde o início do ano até o mês passado.Foi no mês de abril que o órgão registrou maior gasto com diárias: R$ 189 mil. Em janeiro o TCE gastou apenas R$ 7 mil, em fevereiro foram R$ 16 mil, março R$ 107 mil. Em junho foi gasto R$ 69 mil e a despesa diminuiu para R$ 19 mil no mês seguinte. Em agosto o órgão voltou a registrar mais de 100 mil com tal despesa.

A Procuradoria Geral de Justiça, segundo os números, registrou menos gastos referentes às despesas com diárias assim como a Defensoria Pública que gastou mais este ano nos meses de março e abril (cerca de R$ 100 mil).

A Assembleia Legislativa chegou a oscilar drasticamente nos gastos. Em fevereiro por exemplo o gasto foi de R$ 7 mil mas no mês seguinte saltou para R$ 16 mil. Em abril a AL manteve os gastos em torno dos R$ 17 mil mas em maio pagou R$ 36 mil em diárias. Em junho foi pago R$ 20 mil seguido por R$ 24 mil em julho e R$ 23 mil em agosto.

Órgãos do governo

Nos gastos com diárias desde o início do ano alguns órgãos do Executivo se destacam como por exemplo a Secretaria de Educação que chegou a registrar R$ 652 mil no mês de maio. A pasta realizou este ano edições regionais em vários municípios da Feira Literária o que pode ser o motivo dos gastos altos. Em março a pasta gastou R$ 296 mil, em abril pagou R$ 648 mil, saltando para R$ 652 mil em maio.

Em junho só com diárias foram pagos R$ 525 mil, R$ 273 mil em julho e R$ 103 mil em agosto. Outros órgãos também tiveram gastos altos só com diárias nos meses passados é o caso da Polícia militar que pagou R$ 118 mil no mês de abril e R$ 244 mil em agosto. A Secretaria de Infra-estrutura é também uma das pastas que mais gasta também com diárias.