Polí­cia

Foto: Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal, em ação conjunta com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), apreendeu, durante o final de semana, 1.243 itens de equipamentos eletrônicos. Além disso, no domingo, um caminhoneiro foi preso, suspeito de receptação de uma carreta roubada. De acordo com a PRF, as ocorrências foram encaminhadas para a Receita Fazendária e para a Delegacia de Polícia Civil de Guaraí, respectivamente. 

Material sem nota fiscal

De acordo com a polícia, entre os mais de 1.200 aparelhos eletrônicos apreendidos, estão celulares, aparelhos de vídeo game, pendrives, tablets e cartões de memória, todos sem nota-fiscal. O material estava no bagageiro de um ônibus que seguia para São Luis – MA. A suspeita é que os produtos tenham sido trazidos do Paraguai. Um suspeito de transportar o material contrabandeado foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Guaraí.

Já na manhã de domingo, ainda no posto da PRF, um caminhoneiro de 54 anos foi preso acusado de receptar uma carreta roubada. Segundo a Polícia Rodoviária, o homem conduzia um veículo tipo cavalo-trator da Volksvagen, modelo 35.300, que tracionava uma carreta de marca Librelato ambos com numeração do chassi raspada e portando placas falsas. A ocorrência foi encaminhada a Delegacia de Polícia Civil de Guaraí. (Com informações Ascom PRF)