Estado

Foto: Cristiano Machado

Em andamento no Ministério dos Transportes, o projeto de duplicação do trecho de 749 km da BR-153 entre Anápolis (GO) e Paraíso do Tocantins (TO) poderá resultar em melhorias para outra estrada tocantinense: a TO-080. Durante audiência com o governador Siqueira Campos nesta última terça-feira, 30, o ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, iniciou discussões para a federalização da rodovia estadual.

Segundo o ministro, o projeto de duplicação da chamada Belém-Brasília está em análise. “Não tem sentido que uma obra dessa magnitude não contemple a capital do Tocantins. O Governo Federal deseja que o Estado delegue a ele para a duplicação”, afirmou o ministro. O governador Siqueira Campos se mostrou entusiasmado com a proposta e determinou ao secretário de Infraestrutura do Estado, Alexandre Ubaldo, o acompanhamento da proposta. “O Tocantins é parceiro da União em toda e qualquer proposta que venha a beneficiar o Estado, a região norte e o País”, disse o governador durante a audiência.

Segundo Ubaldo, o trecho da TO-080 que deve ser beneficiado caso a proposta da União se concretize compreende 60 km do entroncamento da BR-153 em Paraíso até Palmas. Logo após a reunião, o secretário, por determinação do governador, acionou técnicos da Secretaria de Infraestrutura para obter informações dos estudos e participar das discussões.

Esse tema foi discutido na mesma audiência que o governador e autoridades do Estado tiveram com o ministro sobre a construção da ponte que liga Xambioá (TO) a São Geraldo do Araguaia (PA). Nesse encontro, o ministro garantiu que será feita uma nova licitação para que a obra – licitada em 2010 – saia do papel. O Ministério dos Transportes, conforme o titular da pasta, fará readequação do projeto após o Tribunal de Contas da União (TCU) recomendar a paralisação do contrato.

Participaram do encontro o diretor geral do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), general Jorge Fraxe, o senador João Costa, o secretário extraordinário para Assuntos Legislativos Junto ao Congresso Nacional, Vicentinho Alves, e o secretário de Representação do Tocantins em Brasília, Flávio Peixoto. (Secom)