Economia

Foto: Divulgação

O sistema eletrônico de emissão de nota fiscal da Prefeitura de Palmas está fora do ar, segundo relatam empresários. O problema teria sido detectado desde a última quinta-feira, 1º de novembro.

O vice-presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas – CDL da capital, Davi  Gouveia disse ao Conexão Tocantins nesta segunda-feira, 5, que a instituição tem recebido várias reclamações com relação ao sistema. “Realmente o sistema não está 100%. O que os lojistas têm alegado é que estão tendo dificuldades para emitir as notas. O sistema normalmente está fora do ar”, conta.

Gouveia conta ainda que devido aos questionamentos esteve na Secretaria Municipal de Finanças (Seinf), pasta responsável pela operação do sistema. “Informaram que estão em fase de ajustamento e que a dificuldade é momentânea”, conta. Para o vice-presidente, o problema no sistema pode gerar transtornos para os lojistas. “Como o sistema gera uma certa dificuldade, às vezes o cliente não entende essa situação e quer a nota de imediato. A não emissão da nota trata-se de um problema do sistema e não do lojista”, defendeu.

Sobre o problema, a Prefeitura confirmou ao Conexão Tocantins que o sistema está fora do ar e que está verificando a razão do problema que possivelmente deve ser no servidor.

O sistema de emissão de nota fiscal é disponibilizado aos prestadores de serviço e, segundo a Seinf,  só é acessado por representantes, contadores ou tomadores de serviço.