Polí­tica

Foto: Edilson Pelikano

O ex-governador Marcelo Miranda (PMDB) é um dos nomes mais cotados para assumir a comissão provisória do partido que deverá ser nomeada pela direção nacional. “ Estou apto sim a assumir a direção do partido”, disse ao Conexão Tocantins nesta quinta-feira, 8. A direção nacional analisa a situação do partido no Tocantins depois que maioria dos membros renunciaram aos cargos.

A comissão que deverá ser formada será a responsável pela organização de uma nova eleição no partido.

Marcelo frisou que suas críticas á atual gestão do partido são construtivas e que sua intenção é que o PMDB se desenvolva. Com relação ás críticas diretas do deputado estadual Iderval Silva, Marcelo preferiu não responder o colega de partido. Iderval questionou em entrevista ao Conexão Tocantins a participação de Marcelo na articulação que possivelmente culminará na destituição do atual diretório comandado por Júnior Coimbra.  “ Isso não é papel de ex-governador”, chegou a dizer o deputado.

“Não respondo um deputado que conhece minha história . A população sabe o respeito que tenho a ele”, frisou o ex-governador.