Polí­cia

Foto: Ademir dos Anjos

Com a formatura de novos instrutores do Proerd – Programa de Resistência às Drogas e à Violência no Tocantins é possível aumentar para 29 mil o número de crianças atendidas em todo o Estado, é o que conta a capitã da Polícia Militar, Wélere Silveira. O programa é o maior no Brasil de prevenção primária às drogas e desde o seu surgimento no Tocantins, em 2002, já atendeu 172 mil crianças e adolescentes. Até o momento são 75 municípios atendidos no Estado e para 2013 esse número deve subir para 85.

Segundo pesquisa realizada pela Universidade de São Paulo, o programa tem 95% de aprovação em todo o País. Outra pesquisa realizada em Pouso Alegre, Minas Gerais, afirma que 99% dos alunos atendidos pelo Proerd não se envolveram com drogas e nem cumpriram medidas socioeducativas nos últimos 10 anos.

O programa atende crianças das séries iniciais, 5º e 7º anos dos ensino fundamental. Para a capitã Wélere, que trabalha com a formação dos instrutores, o sucesso do Proerd está na parceria entre polícia, escola e família. “Nós temos visto a resposta das famílias. Os pais e familiares nos procuram para agradecer e relatam a mudança na vida das crianças. Muitas já querem mudar hábitos dentro de casa a partir do que aprenderam no Proerd”, ressalta.