Polí­cia

Foto: Divulgação

Duas adolescentes de 11 e 12 anos de idade estão desparecidas em Guaraí desde o último dia 10/01 e familiares procuram informações do paradeiro das meninas que possam indicar onde elas estejam. Ana Maria Santana Portilho de 11 anos e Deusina Neta Bandeira Santana de 12 anos ainda não teriam se comunicado com o pai.

Segundo informado pelo pai das duas meninas, Carlos Roberto Santana, as jovens teriam saído de casa por volta das 22h da última quinta-feira (10), para ir até um show em uma casa de eventos na cidade e não teriam retornado até então.

O pai suspeita que as meninas já estivessem saindo de casa com frequência nos últimos meses, sempre com o objetivo de frequentar festas e eventos da cidade. Carlos Roberto disse ainda que suas filhas estariam dopando-o com soníferos para que ele não acordasse durante a noite para coibir as saídas das meninas.

“Eu acredito que as meninas não tenham saído de Guaraí, suspeito que elas estejam na casa de uma amiga que eu não conheço e não sei onde mora e que estaria acobertando a fuga das mesmas”, disse o pai.

Carlos Roberto disse ainda que só deseja que suas filhas voltem para casa, pois ele está muito preocupado com a situação e tem sofrido muito nos últimos dias. “Eu só quero que as minhas filhas voltem para casa, já conversei com membros do Conselho Tutelar da cidade e não quero que elas fiquem com medo de sofrer alguma repressão, basta que voltem para casa é só isso que eu quero.”

O fato foi registrado na Central de Flagrantes da Polícia Civil de Guaraí e caso alguma pessoa tenha informações sobre o paradeiro das mesmas pode ligar anonimamente no telefone 190. A Polícia Civil de Guaraí orienta ainda que a pessoa que por ventura esteja acobertando a fuga das meninas poderá responder criminalmente pelo crime de favorecimento, previsto em lei.