Estado

Foto: Divulgação Imagem ilustrativa do projeto da nova ponte em Porto Nacional (clique na imagem para ampliar) Imagem ilustrativa do projeto da nova ponte em Porto Nacional (clique na imagem para ampliar)

Interditada para o trânsito pesado desde o ano passado, a ponte que corta o lago da UHE Lajeado na altura do município de Porto Nacional não deverá ser derrubada para a construção de uma nova. De acordo com o secretário das Relações Institucionais, Eduardo Siqueira Campos, a meta será manter a ponte antiga como atrativo histórico e turístico.

Um pré-projeto de construção da nova ponte está sendo elaborado por uma equipe do governo, conforme o secretário informou ao Conexão Tocantins na manhã desta segunda-feira, 21. O objetivo será construir a nova ponte de forma que ela faça uma curva sobre a ponte antiga que servirá como passarela para pedestres e poderá abrigar uma pequena feira. Para isto ela deverá ser reformada também.

“Já existe um pré-projeto, que está em fase de detalhamento final, que apresenta uma solução e uma economia na construção nas duas cabeças da ponte, nos dois aterros”, disse Eduardo.

Financiamento

Desde o ano passado, o senador licenciado Vicentinho Alves (PR), que responde pela Secretaria de Assuntos Legislativos junto ao Congresso Federal, vem tentando, junto aos Ministérios da Integração Nacional e das Cidades, a agilidade em aprovação de recursos para a construção da ponte.

Eduardo frisou, no entanto, que o Governo Federal não tem se mostrado propenso a investir. “Para que a União invista no projeto, é preciso que a obra seja de interesse federal. Neste sentido, eles justificaram que já existe uma ponte que integra a BR-153 à BR-010. Portanto, todos os recursos para a construção da ponte serão do Estado”, completou.

Desta forma, o secretário informou que os recursos para a construção da nova ponte no local deverão ser totalmente do Estado. Eduardo destacou que a gestão vem se reunindo com bancos e fundações financiarias para conseguir o financiamento para as obras.