Educação

Foto: Divulgação

A prefeita de Xambioá, Silvia Ferreira Machado, e o deputado estadual Raimundo Palito, reuniram-se, nesta última quinta-feira, 21, com o secretário de Estado da Educação, Danilo de Melo Souza, a fim de buscarem alternativas que viabilizem a reabertura da Escola Paroquial São Miguel, localizada em Xambioá.  

No encontro, Danilo apresentou a proposta de reativação da unidade escolar, que tem mais de 50 anos de existência, por meio de comodato entre o Governo do Estado e a Igreja Católica. O mesmo modelo foi implantado em Pedro Afonso, no Colégio Cristo Rei, e em Tocantínia, no Colégio Batista. As duas unidades de ensino confessionais receberam investimentos do Estado e desde então vêm registrando avanços significativos no ensino ofertado. 

“A Escola Paroquial tem ótimos índices educacionais, profissionais qualificados, mas a estrutura está comprometida e sem condições para receber os alunos. Trouxemos essa proposta de gestão compartilhada entre a Igreja e o Estado, para que os estudantes sejam atendidos de forma adequada”, explicou Danilo.

Para a prefeita do município, a solução apresentada será bem recebida pela população. “Nós viemos em defesa do não fechamento da escola, mas temos conhecimento de que essa mesma escola precisa de muitas adaptações para funcionar. Saber que a Seduc está disposta a nos ajudar a solucionar essa situação nos deixa tranquilos. Vamos levar esse parecer para a comunidade e acredito que todos estarão de acordo”, pontuou Silvia.

“Essa é a melhor proposta para o momento que a escola está vivendo. É uma instituição tradicional, mas que não tem a estrutura e o mobiliário necessários para o funcionamento. Creio que a reabertura da escola, após as intervenções necessárias, será comemorada pela cidade. Ganharão os alunos, os pais e a própria igreja com esse apoio que está sendo oferecido pelo Governo para a recuperação desse patrimônio de Xambioá”, enfatizou o deputado Raimundo Palito. (Ascom/Seduc)