Estado

Foto: Divulgação

A Defensoria Pública em Gurupi inicia nesta segunda-feira, 4, agendamento para o Mutirão de Exames de DNA, que será realizado no dia 21 deste mês. As pessoas interessadas em participar da ação deverão procurar a Instituição em Gurupi, das 7h às 8h, levando os documentos pessoais de todas as pessoas envolvidas. Serão disponibilizados 35 exames, onde será imprescindível a presença do suposto filho, de sua genitora mãe e do suposto pai.

De acordo com a diretora do Núcleo Regional de Gurupi, defensora Lara Gomides Nóbrega de Souza, as ações de reconhecimento de paternidade vêm crescendo muito na Defensoria Pública. “A principal questão a ser considerada no que se refere ao acesso ao exame de reconhecimentos é a garantia da dignidade da pessoa humana, da pessoa ter o direito de saber a sua origem biológica, de onde veio, quem é o pai; uma questão psicológica e também jurídica no sentido de que tendo uma família eles poderão ser chamados à responsabilidade de
ajudar na criação e, ainda, financeiramente para subsistência dessa criança”.

O exame para o reconhecimento de paternidade é disponibilizado gratuitamente pela Defensoria Pública, por meio do Núcleo de Conciliação e Mediação de Gurupi, a partir de um contrato com o Laboratório MedGen.

A Defensora Pública destacou que os 35 exames que serão agendados a partir desta segunda-feira serão os últimos disponibilizados por meio do contrato firmado com o laboratório.  “Nossos assistidos são pessoas muito carentes, o exame é caro e a realização do mesmo de forma gratuita é de suma importância. Para isso, foi feita uma licitação pela Defensoria Pública para a aquisição desses exames, na qual foi contratado um laboratório para fazer a análise do material. E como esse contrato se encerra no início do próximo mês, essa será a última oportunidade prevista para realizar o procedimento de forma gratuita”, disse.

Resultados


Os resultados dos exames deverão ser disponibilizados aos assistidos 30 dias após a coleta do material genético, na sede da Defensoria em Gurupi. A partir da chegada dos exames, a Defensoria fará o agendamento para a abertura dos resultados, com a presença das partes envolvidas.