Polí­tica

Foto: Divulgação

O presidente da Câmara Municipal de Palmas, vereador Major Negreiros, utilizou a tribuna nesta terça-feira, 05, para cobrar do Poder Público Estadual, uma maior atenção com o efetivo da Polícia Militar do Tocantins. Segundo Negreiros, as 300 vagas oferecidas pelo concurso da PM são insuficientes para atender a demanda da capital.

“Infelizmente nossa cidade vive um momento tenso na segurança pública. Nossos bravos militares trabalham dia e noite para proteger as famílias palmenses, mas não tem como estar presente em todos os locais sem um efetivo maior. Palmas necessita de, no mínimo, mais 1500 policiais”, disse Negreiros.

O vereador ainda criticou a movimentação em torno da transferência do efetivo da PM na região de Buritirana para Santa Tereza. “Isso é um retrocesso. Precisamos de mais policiais e não de deixar uma população a mercê do crime”, ressaltou.

Outro ponto destacado por Major Negreiros é o destacamento de Taquaruçu. De acordo com o parlamentar, o distrito ficou quase 15 anos sem destacamento e somente após uma mobilização liderada por ele é que a obra saiu do papel. “O destacamento da PM em Taquaruçu precisa de uma reforma urgente. O Governo do Estado possui verba para isso”.

Militares da Reserva

Major Negreiros não vê com bons olhos a iniciativa do Governo Estadual em contratar reservistas do Exército para realizarem trabalho de proteção à comunidade. “Para atuar nas ruas, combatendo o crime e atendendo a população é necessário treinamento específico e reciclagens permanentes. Espero que a ação seja revista e ao invés de contratar reservistas, o Governo amplie o número de vagas através de concurso público”, criticou Negreiros.