Palmas

Foto: Divulgação Quadra padece há anos com a falta de infraestrutura Quadra padece há anos com a falta de infraestrutura

Reivindicação antiga de moradores, o asfaltamento da quadra 307 Sul ainda não tem data prevista para iniciar, conforme a Secretaria Estadual das Cidades, Habitação e Desenvolvimento Urbano. A pasta informou, através de nota oficial, na manhã desta quinta-feira, 4, que os projetos executivos para as obras estão com sua equipe técnica para adequações solicitadas pela Caixa Econômica Federal.

Além da 307 Sul, a secretaria informou, ainda, que estão previstas obras de recuperação de ruas nas quadras 309 sul e 407 sul, todas contempladas pelos programas Pró-Transporte e Saneamento para Todos, do governo do Estado, com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do Governo Federal.

O recurso destinado para as obras, segundo a Secretaria é de R$ 28,6 milhões, mas não foi informado ao Conexão Tocantins, o prazo para início ou fim destas.

Relembre

Desde o ano de 2012, moradores da região reclamam da ausência de obras de asfaltamento nas ruas das quadras. Conforme apurado na época, o asfaltamento daquelas quadras era de responsabilidade do Governo do Estado. Ainda em Maio do ano passado, o Conexão Tocantins havia entrado em contato com a Secretaria Estadual da Infraestrutura que informou que a pasta das Cidades assumiria.

À época, a informação que foi passada foi de que os processos licitatórios estavam decorrendo em trâmite normal e que o prazo, a partir daquela data, para o início das obras, seria de 60 dias.

Confira abaixo a íntegra da nota emitida pela Secretaria das Cidades.

Nota à imprensa

A respeito das obras previstas para as quadras 307, 309 e 407 Sul, de Palmas, contempladas nos programas Pró-transporte e Saneamento para Todos, financiados pelo Governo do Estado, junto ao PAC – Programa de Aceleração do Crescimento a Secretaria das Cidades, Habitação e Desenvolvimento Urbano, informa:

- Os projetos executivos estão com a equipe técnica da Secretaria para as adequações solicitadas pela Caixa Econômica Federal;

- O investimento previsto é de aproximadamente R$ 28,6 milhões.

Assessoria de Comunicação da Secretaria das Cidades, Habitação e Desenvolvimento Urbano