Geral

Foto: Divulgação Juliana no pub mais popular da Irlanda, chamado The Temple Bar Juliana no pub mais popular da Irlanda, chamado The Temple Bar

Uma vaga de emprego lançada pela empresa de cerveja irlandesa Guinness atraiu a atenção de muitos, quando divulgada na internet, há uma semana. Trata-se de uma oferta para um “profissional da cerveja”, como foi anunciada no Facebook, pela própria sucursal da Guinness em Lisboa, Portugal.

Entre os requisitos estipulados para os candidatos, estão: “beber cerveja de forma responsável, ter idade igual ou maior de 19 anos e apresentar disponibilidade para viajar. O candidato que conquistar a vaga terá que cumprir as funções de visitar bares, degustar as bebidas da marca e ainda aprender a história e os rituais da Guinness, numa viagem à Irlanda, para relatar e compartilhar a experiência nas redes sociais. O salário oferecido está em torno de R$ 3.750.

A divulgação já despertou o interesse de mais de 6 mil pessoas. Entre os candidatos está Juliana Lopes, jornalista tocantinense, natural do município de Guaraí, que já morou na Irlanda por pouco mais de 3 anos, para estudar Inglês. De volta ao Brasil há exatamente um ano, Juliana vive em Palmas e afirma sentir falta do estilo de vida experimentado no país, que incluía, entre outros hábitos,  a ida frequente a pubs: “É impossível não se entregar à atmosfera de um original pub irlandês. Nele, você encontra um ambiente aconchegante, com excelente música, pessoas amigáveis e ótima bebida. É o que eles chamam de “craic” e a Guinness representa tudo isso. É por isso que ela é considerada a cerveja mais emblemática do mundo, declara.

Apesar dos requisitos serem considerados simples, disputar uma vaga para exercer o “emprego dos sonhos” requer a participação e o esforço contínuo dos interessados, uma vez que estes só poderão realizar suas inscrições, após receberem indicações de amigos no Facebook. Em busca de apoio dos contatos na rede social, a candidata Juliana afirma que organiza sua campanha com a ajuda da irmã, publicando o apelo diariamente aos amigos de forma criativa: “Procurar por um profissional da cerveja foi uma tática de mestre da Guinness para divulgação da marca nos países que têm o Português como idioma oficial. O processo de indicação requer que todos curtam a página da empresa e quem quiser essa vaga, terá que utilizar estratégias tão inteligentes como essa, ou seja, vai ter que agir como um social media de verdade, explica.

Sobre a Guinnes 

A cerveja irlandesa Guinness herdou esse nome do seu criador, Arthur Guinness, que começou a produzi-la há quase 300 anos, em 1759. Produzida em 55 países e comercializada em 155, a bebida possui 80% de participação no mercado mundial de cerveja preta. Ao redor do mundo, 170 mil pubs consomem 10 milhões de copos (pints) de Guinness diariamente, o que confere ao legado de Arthur a posição de sexta maior cervejaria do mundo, alcançando o total de 2,7 bilhões de litros de cerveja vendidos por ano.

Como indicar

Quem quiser indicar Juliana à vaga poderá fazer isso curtindo a página da Guinness Portugal, no facebook. A página divulga a tag “profissional da cerveja” onde os participantes poderão acessar a ficha de indicação e preenchê-la com o nome e e-mail da candidata (Juliana Lopes, Juliana.mlopes@hotmail.com). O procedimento é gratuito. https://www.facebook.com/GuinnessPortugal?ref=ts&fref=ts

Por: Redação

Tags: Facebook, Guaraí, Guinness