Palmas

Foto: Walter Gama Segundo a Prefeitura, o objetivo da mudança é centralizar os principais serviços oferecidos pela gestão Segundo a Prefeitura, o objetivo da mudança é centralizar os principais serviços oferecidos pela gestão

A Prefeitura de Palmas informou nesta quarta-feira, 10, por meio da Secretaria da Comunicação, que, com a nova readequação do espaço físico das secretarias municipais, a partir do aluguel de um prédio na Avenida JK, no centro de Palmas, economizará cerca de R$ 966 mil por ano com aluguéis, além de R$ 2,4 milhões em gastos com água, energia, combustível, além de serviços de vigilância e limpeza. Um total de oito prédios serão desocupados e deixarão de onerar os cofres municipais com a mudança.

O prédio pertence ao empresário José Antônio dos Santos Filho, o Toninho da Miracema. O empresário informou ao Conexão Tocantins que o valor de mercado pedido pelo aluguel do imóvel  inicialmente foi de R$ 135 mil, entretanto, o valor final negociado pela Prefeitura ficou na ordem de R$ 80 mil. Segundo o empresário, o preço de mercado é R$ 30 o metro quadrado na região. O imóvel tem 4500 m².

Segundo a Prefeitura, o objetivo da mudança é centralizar os principais serviços oferecidos pela gestão municipal e proporcionar uma redução significativa nos custos. Do total, somente com energia elétrica, a previsão é que sejam economizados cerca de R$ 970 mil por ano e com combustível mais de R$ 1 milhão. De acordo com o secretário de Planejamento e Gestão, Adir Gentil, o ganho financeiro para o município é inquestionável. “Somente com a Secretaria de Educação, o gasto com locação era superior a R$ 4 milhões por ano”, reforçou.

Segundo Gentil, além do ganho financeiro, ainda há o reflexo no atendimento à população. “O cidadão irá encontrar os serviços afins no mesmo local, o que proporciona mais agilidade, economia de tempo, bem como instalações mais adequadas e modernas”.

O secretário ainda destaca que o objetivo da gestão é a construção de instalações próprias. “Estamos trabalhando para que o município tenha condições de construir um prédio próprio que concentre a estrutura administrativa”.
 
Readequação

Com as mudanças no espaço físico, o Gabinete do Prefeito e as secretarias de Educação, Governo, Comunicação, Assuntos Jurídicos e Procuradoria ficarão concentrados em um prédio comercial localizado na Avenida JK.

No edifício Buriti, localizado nas proximidades do atual Paço Municipal, se concentrarão as secretarias de Finanças, Habitação, Transparência e Controle Interno e Planejamento e Gestão, além de um centro integrado de serviços para a população, o Pró-Cidadão. No prédio onde ainda funciona o Paço Municipal se concentrarão as pastas de Desenvolvimento Social, inclusão Social e Agricultura. Em um anexo próximo ao paço estarão as pastas de Desenvolvimento Econômico e a central de informática. O Instituto de Planejamento Urbano de Palmas e a secretaria de Acessibilidade, Mobilidade e Transporte serão instalados no prédio onde funciona a secretaria de Meio Ambiente. No Parque do Povo ficarão a Agência de Turismo e a Fundação de Esporte e Lazer. A Fundação Cultural de Palmas permanecerá no Espaço Cultural.