Estado

Foto: Divulgação

Através de publicação no Diário Oficial o governador Siqueira Campos (PSDB) voltou a Cultura para a pasta da Educação que está sob o comando de Danilo de Melo e Souza desde o início do governo. O governo  republicou a Medida Provisória nº 1 de 25 de fevereiro último, e instituiu a fusão entre a Secretaria Estadual de Educação e a de Cultura, a pasta passa a se chamar agora de: Secretaria de Educação e Cultura. A Fundação Cultural também está vinculada á pasta agora.

A alteração vem dois dias depois da exoneração da ex-secretária Kátia Rocha em razão de denúncias de destinação de dinheiro público para festas particulares em Pousada de propriedade de familiar do presidente do Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE-TO), Wagner Praxedes.

Porém a mudança preocupa ativistas da cultura do Estado e entidades ligadas ao setor que devem se reunir hoje para debater como ficará o pagamento de alguns Editais e ainda a situação do Pró-Cultura.

Outras alterações

O governo alterou ainda a nomenclatura da pasta comandada por Jaime Café que passa a se chamar Secretaria de Agricultura e Pecuária. A mudança é em razão da criação da pasta de Desenvolvimento Agrário e  Regularização Fundiária que será comandada pelo deputado federal Irajá Abreu a partir da próxima semana quando está pré-agendada a posse do parlamentar. Na vaga de Irajá, Goiaciara Cruz (PR) assumirá na Câmara dos Deputados.