Campo

Foto: Divulgação

A primeira etapa de vacinação contra febre aftosa será aberta oficialmente neste sábado, 4, às 10h, na Fazenda Vale do Boi, munícipio de Carmolândia, a 414 quilômetros de Palmas, região norte do Estado. O evento deve contar com a participação de produtores rurais, políticos, entidades ligadas ao agronegócio e a comunidade em geral. Este ano, com o tema Tocantins sem Febre Aftosa: É na raça que a gente mantém essa conquista, comemora 16 anos sem febre aftosa.

Nesta etapa da campanha, que iniciou dia 1º e segue até o dia 31 de maio, a expectativa é vacinar mais de oito milhões de bovídeos (bovinos e bubalinos), indiferente da faixa etária. “Promovemos sempre um grande evento para comemorar as conquistas e chamar atenção para importância da vacinação do rebanho à economia do Estado e a toda cadeia produtiva”, disse o presidente da Adapec, Marcelo Aguiar Inocente.

A cada campanha uma região do Estado é escolhida para abertura oficial. Desta vez, o evento será no município de Carmolândia que conta com 76 propriedades rurais e um total de 134 produtores rurais. O índice vacinal na última campanha realizada em novembro de 2012, atingiu 99,7% do rebanho. Atualmente, há 43.631 bovídeos na região.

Comprovação

O produtor rural após vacinar o rebanho tem até 10 dias para declarar o ato na unidade da Adapec, onde sua ficha cadastral é movimentada. Para tanto, basta estar munido da Carta-aviso, com os dados dos animais como idade e sexo e a nota fiscal da vacina

Penalidades

Para o produtor que deixar de vacinar a multa é de R$ 5,32 por cabeça de animal e R$ 127,69 por propriedade rural não declarada.   

GTA

A partir do dia 1º só será emitida GTA – Guia de Trânsito Animal (documento obrigatório para o transporte) de animais para aqueles que já receberam as doses. O produtor que for pego transportando animais sem a GTA será penalizado em R$ 42,56 por cabeça e o transportador em R$ 127,69.