Polí­tica

Foto: Divulgação

Como coordenadora da Comissão eleitoral que conduzirá o processo para escolha da presidência do PMDB no Tocantins, a  deputada estadual Josi Nunes(PMDB) protocolou nesta sexta-feira, 03, um oficio ao também coordenador deputado Iderval Silva(PMDB) , com as propostas para selar de uma vez por todas as divergências partidárias na sigla.

O documento elaborado em conjunto pelo grupo do ex-governador Marcelo Miranda (PMDB), propõe a retirada imediata das ações judiciais pendentes na Justiça do Tocantins, o Consenso na formação dos membros do novo Diretório Estadual, com direito a indicação de 06 membros para cada 14 membros pertencentes à Comissão Eleitoral, respeitando desta forma, os nove  membros natos (Ex-Presidentes), conforme Art. 80 do Estatuto do partido e ainda, a antecipação das eleições do Diretório Estadual para o dia 15 de maio de 2013, conforme Art. 26 do Estatuto Partidário.

Através do oficio, o grupo propõe uma reunião de consenso  ou a consulta a todos os membros da Comissão Eleitoral  a fim de que as propostas sugeridas possam ser consolidadas, garantindo desta forma,  o entendimento no partido.

Por: Redação

Tags: Iderval Silva, Josi Nunes, Marcelo Miranda, PMDB