Estado

Foto: Divulgação

O Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO), por meio da Seção de Cadastro e Sistemas eleitorais (SECASE), divulgou que 9.219 eleitores tiveram os títulos eleitorais cancelados.

As zonas eleitorais com maior quantitativo de cancelamento de títulos foram Palmas (29ª ZE), com 1.639; Araguaína (1ªZE), com 1.153 e em seguida Porto Nacional (3ª ZE), com 499. Em Gurupi (2ª ZE) e Paraíso do Tocantins (7ª ZE) não foram registrados cancelamentos.

 De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a Justiça Eleitoral cancelou 1.354.067 títulos dos eleitores que não votaram e não justificaram a ausência nas últimas três eleições até o prazo para regularização expirado no dia 25 de abril.

Consequências

Além de perder o cadastro na Justiça Eleitoral, o eleitor que não regularizou a situação eleitoral, não poderá obter carteira de identidade, passaporte e renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo.

Reativação de título

Para reativar o título eleitoral, o eleitor deve ir ao cartório munido de documento de identificação, um comprovante de residência e preencher o Requerimento de Alistamento Eleitoral (RAE) e pagar eventuais multas com a Justiça Eleitoral.