Polí­tica

Foto: Divulgação

Os deputados aprovaram na sessão desta quarta-feira, 5, o envio de votos de aplausos ao governador Siqueira Campos (PSDB) por ter ajudado financeiramente na cirurgia do deputado estadual do PR, José Bonifácio que passou por um procedimento cirúrgico de alto risco.

O deputado Sargento Aragão foi contra o requerimento e chegou a questionar a fonte do dinheiro. “Como que uma pessoa declara um patrimônio de R$ 400 mil e doa R$ 250 mil para uma cirurgia? É de se questionar. Foi um ato com dinheiro público ou dinheiro do próprio bolso?”, questionou.

Na declaração de bens em 2010 quando disputou o governo pela coligação “Tocantins levado a sério”, Siqueira Campos declarou apenas R$ 436. 991,29. Na época o governador declarou a existência de dois imóveis no seu nome, sendo um em Brasília no valor de R$ 324 mil e outro em Palmas, no valor de R$ 51 mil. Além de R$ 81.991,29 em dinheiro.

O deputado do PMDB, José Augusto Pugliese também mencionou que é preciso saber de onde saiu a verba para a doação.

Bonifácio está licenciado em razão da cirurgia e antes de sair apresentou projeto para que seja instituído na Casa de Leis o auxílio-saúde onde todos os deputados teriam restituídas as despesas com Saúde. A proposta porém não ganhou apoio da maioria dos parlamentares mas ainda tramita na Casa de Leis.