Palmas

Foto: Divulgação

Aconteceu na manhã segunda-feira, 26, uma grande reunião na quadra coberta da Escola Municipal de Tempo Integral Marcos Freire, no assentamento São João, na qual participaram o prefeito Carlos Amastha acompanhado dos secretários municipais e dos vereadores Valdemar Júnior, Vânia do Aureny III e Cleiton Cardoso, que foi o idealizador do encontro.

 

Durante o encontro foi possível a comunidade apresentar ao gestor suas principais demandas para a melhoria da localidade, sendo elas principalmente na área da saúde, transporte, infraestrutura e geração de renda.

 

A região do assentamento abriga hoje, cerca de 116 famílias, e segundo levantamento da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural, tem como base à produção de frutas e flores tropicais, hortifrutigranjeiros, leite, e é um dos principais pólos de abastecimento das feiras livres da Capital.

 

Produtores

 

Valéria dos Santos, presidente da Associação das Mulheres do Assentamento São João, destaca a necessidade de políticas de incentivo às pequenas iniciativas de criação de renda no setor. “Estamos organizadas, já plantamos um pequeno espaço de flores tropicais, agora precisamos de espaço e apoio para o nosso projeto”, destacou a moradora.

 

O Senhor Pedro Alencar, destacou  a necessidade de melhoria na infraestrutura das estradas, que segundo o morador, acaba influenciando em todos os outros itens que deve ser melhorado na comunidade. “É preciso consertar a ponte que está quebrada, e melhorar o cascalhamento, pois na época de chuva ninguém passa, as crianças não conseguem ir para escola, os médicos não conseguem chegar aqui, nós não conseguimos sair para vender nosso produto, então, é à base de tudo”, enfatizou Alencar.

 

“Nossa prioridade é colocar comida na mesa da nossa família”, disse enfático o morador Anael da Silva. Que destacou o apoio da Prefeitura nos projetos de piscicultura para fomentar emprego e renda no local. “Somos pessoas honestas e gostamos de trabalhar, mas às vezes não temos às técnicas corretas”, disse Anael.

 

O vereador Claiton destacou a presteza e a disponibilidade do prefeito em ouvir às demandas da comunidade, e disse está feliz em poder ajudar a comunidade onde foi criado. “Conheço muito bem as dificuldades deste povo, e serei o elo com a Prefeitura para trazer os benefícios a este povo trabalhador, que não bate à minha porta para pedir cestas básicas, e sim condição para trabalhar, e ter uma vida digna”, destacou o legislador.

 

Gestor

 

O prefeito Carlos Amastha agradeceu à comunidade pelo carinho em que foi recebido, e destacou o potencial de produção de flores tropicais da região, lembrou-se da criação da Central de Flores na Feira da 304, e da visita do presidente da Embratur, Flávio Dino, que  ficou encantado com as flores produzidas em Palmas. “Vejo aqui um grande potencial de produção, queremos que vocês produzam, pois vamos trabalhar para que seus produtos sejam vendidos, para que sejam reconhecidos”.

 

O gestor também destacou o comprometimento da sua equipe para solucionar os problemas da comunidade. “Vocês têm aqui não apenas o meu comprometimento, mas de toda essa minha equipe que está aqui “in loco” para conhecer as suas necessidades, essa equipe que trabalha dia e noite para a melhoria da nossa cidade”, enfatizou o gestor.

 

Demandas

 

Finalizando a reunião, ficou acordado com à comunidade as seguintes demandas, consideradas mais urgentes: Conserto da ponte que liga os ramais; a reforma no posto de saúde; a visita de mais de uma vez por semana do médico no posto de saúde; a reforma no “antigo laticínio” para ser utilizado pela associação das mulheres do assentamento São João; após a reforma, a implantação de cursos na área de aproveitamento de sementes e aproveitamento de retalhos de tecidos; o conserto da estrada de acesso ao assentamento; reativação do projeto dos tanques de criação de peixes; regularização do ônibus até o perímetro da ponte; e fiscalização do lixo para que a empresa não deixe lixo cair na estrada de acesso à comunidade.