Estado

Foto: Divulgação

Os 312 nomeados no Concurso do Quadro Geral, que tiveram convocação publicada no Diário Oficial do Estado do último dia 15, começam a tomar posse a partir da próxima segunda-feira, 02.  

Os candidatos para cargos de nível fundamental, médio e superior devem ficar atentos a documentação exigida e também ao período da posse, já que o prazo é de 30 dias corridos, prorrogáveis por mais 30.

Para dar mais agilidade e desburocratizar o ato da posse, a Secad – Secretaria Estadual da Administração disponibilizou aos nomeados o E-Posse - uma ferramenta virtual que o convocado poderá agendar sua posse, evitando filas e possíveis tumultos. O procedimento não é obrigatório, mas facilita o processo.

A orientação é que os nomeados façam o agendamento prévio por meio do site www.secad.to.gov.br. O primeiro passo é a apresentação dos exames médicos na Junta Oficial do Estado. Em seguida, o candidato deve ir ao Instituto de Gestão Previdenciária (Igeprev) para solicitar o comprovante de informações previdenciárias; e por último assinar o termo de posse na própria Secad.

O Diretor de Planejamento e Gestão Profissional da Secad, Daniel de Arimateia, lembra que o atendimento às posses tem sido ágil, sem imprevistos nas últimas chamadas. “Os candidatos não têm enfrentado filas nem tumultos porque têm aderido às ferramentas de auxílio que disponibilizamos. Também temos uma equipe de triagem que está aqui para sanar todas as dúvidas em relação à documentação exigida pelo edital” explica o diretor.

Balanço das Convocações

Com mais está lista de nomeações, o Governo do Estado contabiliza o total de 3.304 candidatos convocados a tomar posse no certame. O número representa a chamada de 73% das vagas de provimento imediato.  (Com informações da Secad)