Polí­tica

Foto: Divulgação

Sobre a rejeição das contas dos ex-governadores Marcelo Miranda (PMDB) e Carlos Henrique Gaguim (PMDB), o vereador Valdemar Júnior (PSD) disse em sessão nesta quinta-feira, 05, na Câmara de Palmas que o ocorrido na Assembleia foi para pegar os ex parlamentares e os deputados da base de surpresa e não terem tempo para se articularem. Valdemar disse ainda que quer acreditar que não houve dinheiro nessa votação.

 “Quero deixar aqui minha indignação. O voto aberto tem que ser aprovado para que esse tipo de manto negro não ocorra mais”, relatou sobre o fato de onze deputados terem afirmado que iriam votar a favor e o resultado ter sido de apenas nove. “Isso foi uma articulação de bastidores”, destacou. 

 Valdemar questionou qual foi o grande pecado que Marcelo Miranda cometeu. “Tenho a certeza absoluta que ele distribuía óculos de novo se precisasse. Porque a cesta básica pode e um óculos não? Essa votação na assembleia me surpreende”.

 Para o vereador, esta atitude é ir contra o desejo do povo tocantinense que tem indicado sua vontade nos índices das pesquisas realizadas até o momento.