Estado

Foto: Divulgação

O Estado do Tocantins (que participou do horário de verão em 2012) não fará parte do programa este ano, conforme confirmou o deputado federal César Halum, através de informações obtidas em audiência com o secretário nacional de Energia Elétrica, Ildo Wilson Grüdtner. "O Ministério de Minas e Energia enviou à Casa Civil a minuta do Decreto que trata sobre o horário de verão deste ano, e nela não consta o Tocantins, agora cabe a Casa Civil publicar o decreto da forma que o ministério enviou, sem fazer alterações", disse o deputado. A assessoria do Ministério confirmou ao Conexão Tocantins nesta quarta-feira, 18, que o órgão  deu parecer favorável a retirada do Tocantins do horário de verão.

Por meio do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), Halum confirmou o início do horário de verão para às 0 horas do dia 20 de outubro de 2013 ao dia 16 de fevereiro de 2014. Neste período, moradores de estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste têm de adiantar os seus relógios em uma hora.

Entenda

Após 3 anos fora do horário de verão o Tocantins foi, em 2012, novamente incluso através do Decreto 6558 atendendo uma solicitação do Governo do Estado, feita pelo ofício 379 de 15 de junho de 2012. Na época, Halum se posicionou contrário a essa medida e afirmou que articularia com o Ministério de Minas e Energia para que em 2013 essa decisão fosse revogada. 

Segundo Halum, para comprovar a ineficácia do horário de verão, basta verificar as faturas de energia elétrica e ver o quanto as pessoas gastam a mais neste período. O deputado  defende que uma das medidas que podem solucionar o alto consumo de energia é o desenvolvimento de ações permanentes do governo que possam orientar e educar a população brasileira sobre o uso consciente de energia nos horários de ponta, das 18h30 às 21h30.

"Não há estatística que justifique que o horário de verão traga ganhos para os consumidores do Tocantins. Estarei nessa semana na Casa Civil para acelerar a publicação do decreto que exclui o Tocantins do horário de verão ", concluiu Halum. (Ascom Halum)