Estado

Desde as seis horas da manhã desta segunda-feira, 11, cerca de 150 manifestantes interrompem a rodovia TO-239 que dá acesso aos municípios de Tupiratins, Itapiratins e Itacajá. Os manifestantes cobram o asfaltamento da rodovia, que liga as cidades à BR-153.

Em contato com o Conexão Tocantins, o ex-prefeito de Tupiratins, Mauro Martins (PR), explicou que da BR-153 até o município são 44 quilômetros, destes apenas 8 foram asfaltados. Ainda segundo ela a situação é precária no trajeto e os municípios estão ficando isolados. “Às vezes até os pacientes tem que descer da ambulância para empurrar”, disse.

 Ainda segundo o ex-prefeito a promessa de asfaltar a rodovia é antiga, mas até hoje não passou de palavras. “Tem 20 anos que o governo promete, mas nenhum governo fez nada pela gente”, explicou. O TO-239 está interrompida a 10 quilômetros de Tupiratins, na barricada fora utilizadas manilhas de cimento.

Agetrans

A Agência de Máquinas e Transportes do Tocantins (Agetrans) esclareceu por meio de nota que a TO - 239, trecho: BR 153 a Tupiratins, com 44 quilômetros de extensão, teve obras de pavimentação iniciadas em 2007 onde foram executados apenas dez quilômetros. Em 2010 o TCE – Tribunal de Contas do Estado iniciou processo de tomada de conta especial, que finalizado em 2011 constatou irregularidades em virtude de pagamentos de serviços não executados, causando dano ao erário de mais de R$ 13 milhões.

O contrato com a empresa responsável pelo trecho foi rescindido em julho de 2013 e a Agetrans iniciou então a readequação para novo projeto executivo de engenharia, dando condição para o início de um novo procedimento licitatório. A fase agora é de captação de recursos para realização da obra.

A Agetrans esclarece ainda que enquanto a pavimentação não for reiniciada, o trecho receberá todos os reparos necessários para a trafegabilidade da via. O cronograma de execução dos reparos será iniciado nesta terça-feira, 12, com o patrolamento e correção de pontos críticos. (Atualizada às 18h26)