Saúde

Foto: Divulgação

O estoque de leite do Hospital e Maternidade Dona Regina está bem abaixo do ideal. Com a chegada das festas de final de ano, as doações diminuem consideravelmente. A equipe do Banco de Leite pede para que as mães compartilhem com outras crianças um pouco desse alimento tão vital. Para atender às demandas da maternidade, é preciso coletar 300 litros de leite por mês. Até o momento, o estoque é de seis litros. As doações vão ajudar a salvar a vida de mais de 35 bebês internados no hospital.

De acordo com a coordenadora do Banco de Leite do Hospital e Maternidade Dona Regina, Valquíria Pinheiro, algumas mães produzem um volume de leite que vai além da necessidade do bebê. As mães percebendo que se encontram nessa situação poderão doar o excedente ao hospital. “Para os bebês internados, o leite materno não é apenas um alimento, mas um medicamento muito importante para a recuperação deles”, enfatiza.

As doadoras podem ligar para o Disk Amamentação (0800-6468283), onde farão um cadastro. A etapa seguinte será a da visita dos bombeiros – Projeto Bombeiros Amigos do Peito – que entregarão o kit para a coleta. O kit é composto por toca, gases, máscara, materiais informativos e os frascos esterilizados.

Banco de leite do Hospital Dona Regina precisa de doações em caráter de urgência Na oportunidade, os bombeiros orientarão as mães quanto à coleta e à estocagem do leite. A mãe não precisará, no momento da visita, retirar de imediato o alimento. Ela terá até 10 dias para coletar e comunicar o Banco de Leite para o recolhimento das doações.