Polí­cia

Policiais Civis da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa – DHPP apreenderam, na tarde desta quarta-feira, 15, em Palmas um casal de adolescentes acusados pelo assassinato de Francisco Renan da Silva Acácio, 24 anos de idade. O crime aconteceu no dia 21 de dezembro de 2013 em um bar localizado no centro de Palmas. Na ocasião, Francisco foi assassinado a facadas, após se envolver em uma briga com o casal de menores de idade.

A apreensão dos adolescentes de 17 anos de idade foi resultado de um intenso trabalho de investigação no sentido de elucidar a autoria do homicídio. Os agentes da DHPP identificaram e localizaram os jovens, sendo um rapaz e uma moça, que foram apreendidos quando se encontravam em suas respectivas residências, localizadas na Quadra 1.206 Sul, em Palmas.

Na delegacia, após serem interrogados pela autoridade policial, ambos assumiram a autoria do homicídio e indicaram o terceiro envolvido, sendo este maior de idade. Os adolescentes também contaram a sua versão para os fatos, bem como a motivação do homicídio.

Utilizando-se da “delação premiada”, os adolescentes colaboraram com a Polícia Civil na elucidação de mais seis homicídios ocorridos no ano de 2013, na região Sul da Capital. Eles também indicaram os nomes dos autores afirmando que os as seis pessoas teriam sido mortas por terem dívidas com traficantes.

Diante de tais constatações, a PC esclareceu sete homicídios ocorridos na região das quadras 112 e 122 Sul, em Palmas. Após os procedimentos cabíveis, os dois adolescentes foram entregues ao Juizado da Infância e da Adolescência para a realização dos trâmites legais. (Ascom SSP)

Por: Redação

Tags: 1.206 Sul, DHPP, Polícia, Polícia Civil