Polí­tica

Foto: Clayton Cristus Caso Nova Rosalândia seja inserida será favorecida com obras específicas, segundo Osires Damaso Caso Nova Rosalândia seja inserida será favorecida com obras específicas, segundo Osires Damaso

A pedido da comunidade nova rosalandense, o 1º vice-presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins, deputado Osires Damaso (DEM), apresentou na manhã desta terça-feira, 11, um requerimento, em regime de urgência, solicitando que o município de Nova Rosalândia faça parte da região Metropolitana de Palmas. O município está localizado a 128 km da capital, na BR-153. 

Atualmente as cidades de Aparecida do Rio Negro, Barrolândia, Brejinho de Nazaré, Fátima, Ipueiras, Lajeado, Miracema do Tocantins, Miranorte, Monte do Carmo, Oliveira de Fátima, Paraíso do Tocantins, Porto Nacional, Pugmil, Silvanópolis e Tocantínia já fazem parte da Região Metropolitana de Palmas (Metropalmas), conforme Projeto de Lei Complementar. 

“O Projeto possibilitará ao governo do Estado realizar projetos de mobilidade urbana na capital e em 15 cidades que compõem a regional. Caso Nova Rosalândia seja inserida na Metropalmas, também será favorecida com obras específicas”, destacou Osires Damaso. O documento beneficiará principalmente municípios sem condições de financiar as obras que deverão ser implementadas.  

Metropalmas

O projeto foi assinado pelo governador Siqueira Campos (PSDB), em outubro de 2013, durante as comemorações de 25 anos do Tocantins. De acordo com o governador, a partir da implantação da Região Metropolitana de Palmas, os projetos poderão ser realizados de forma integrada. O Governador ressaltou, ainda, que a meta do governo é interligar todas as cidades da região metropolitana com linhas férreas ou através de rodovias duplicadas.

“Nós vamos consultar todos os prefeitos, da Capital e dos demais municípios da área metropolitana. Deveremos ter pistas rodoviárias duplas e linhas férreas daqui para Porto Nacional, Paraíso, Aparecida do Rio Negro, Miracema do Tocantins, Miranorte (que interliga a Tocantínia) e para Lajeado”, disse.