Palmas

Foto: Valério Zelaya

Apresentar os diferenciais e as peculiaridades do projeto do Bus Rapid Transit (BRT) foi um dos objetivos do encontro realizado no fim da tarde de segunda-feira, 10, entre o prefeito de Palmas, Carlos Amastha, e o presidente da Agência de Máquinas e Transportes do Tocantins (Agetrans), Kaká Nogueira.

Na ocasião, o presidente do Instituto Municipal de Planejamento Urbano de Palmas (Impup), Luiz Masaru Hayakawa, apresentou a Kaká e sua equipe o projeto desenvolvido pelo município, salientando que apesar da diferença em relação ao modal proposto pelo Estado, os sistemas podem ser integrados. “Um sistema não anula o outro”, enfatizou.

Outro ponto definido é a realização de um novo encontro ainda esta semana para formalizar a comissão que será composta por técnicos da prefeitura e Estado para discutir o sistema de transporte e obras de mobilidade de Palmas e da região. A formação da comissão se deu a partir de encontro entre o prefeito e o governador Siqueira Campos ocorrido na última sexta-feira, 07.

Sobre a reunião, o prefeito Carlos Amastha salientou que o objetivo é que se obtenha um sistema que atenda à necessidade de mobilidade de Palmas e da região. Amastha ainda enfatizou, “jamais seremos contrários a qualquer projeto que vise o desenvolvimento da capital e do Estado, por isso que estamos unindo município e Estado, dialogando e pensando no melhor para a população”.

O presidente da Agetrans, Kaká Nogueira apresentou considerações ao projeto, ressaltou a importância do trabalho conjunto e destacou a expectativa quanto aos trabalhos da comissão. “Nossa expectativa é muito boa. Tenho a certeza de que teremos um entendimento, pois temos o mesmo objetivo que é melhorar a infraestrutura das cidades”, destacou. (Secom Palmas)