Polí­tica

Foto: Divulgação

Dirigentes dos partidos PP, PT, PCdoB e PSL se reuniram em Brasília nesta quinta-feira, 20, para definir metas, agendas e oficializar coordenações técnicas e instâncias de direção. Além dos presidentes, Lázaro Botelho, do PP, Júlio César, do PT, Cristian Zini Amorim, do PSL e Luciano Arruda, do PCdoB, participaram do encontro o prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PP), o pré-candidato a governador Nicolau Esteves (PT), o ex-presidente do PT, Donizeti Nogueira, o secretário Executivo de Governo da capital, Adir Gentil (PP) e o secretário-geral do PP, Robson Ferreira.

A primeira medida tomada pelo colegiado foi definir instâncias de direção do grupo que será dividida, inicialmente em: Coordenação Política, que será formada por presidentes de cada legenda e pelo Prefeito Carlos Amastha, que representará a coordenação; Coordenação de Plano de Governo, que será formada por técnicos e dirigentes indicados pelos partidos sob a coordenação do ex-prefeito de Porto Nacional, Paulo Mourão (PT) e, por último, o Conselho Político, formado pelos membros das direções executivas das legendas e que participará dos grandes debates e decisões do grupo.

Outra definição importante reside nos critérios de inserção de novas legendas ao grupo. Além de ter que passar pela aprovação da maioria dos membros da Coordenação Política, a nova legenda deve pertencer à base de apoio da presidente Dilma Rousseff (PT), comungar dos mesmos objetivos do grupo e não ter pré-candidaturas ao Governo do Estado.

Em posicionamento unânime, os quatros partidos assumem oficialmente o desafio de promover uma profunda mudança nas práticas políticas no Estado e de implantar um Governo que priorize a qualidade de vida da população.

Nesse momento, o grupo pretende orientar suas bases a fortalecer as chapas proporcionais, para deputado Federal e Estadual, orientando e fortalecendo potenciais candidatos em todo o Estado e, em plano nacional, o grupo está concentrado em formar um palanque forte para a campanha a reeleição da presidente Dilma no Tocantins.

Reunião

A próxima reunião do grupo ficou marcada para o próximo dia 10 de março, em Palmas.