Educação

Foto: Divulgação

Os professores integrantes da terceira missão internacional do Programa de Modernização da Gestão Escolar de Palmas chegaram nesta segunda-feira, 31, em Reggio Emilia, cidade no norte da Itália, sede do Instituto Loris Malaguzzi, expoente internacional na educação pré-escolar.

Para o prefeito Carlos Amastha, que acompanha a comitiva de educadores palmenses, essa é uma oportunidade única. “Vamos conhecer mais um País que se destaca na educação e daqui levar bons exemplos que poderão ser replicados em sala de aula, melhorando ainda mais o nosso sistema educacional”.

O primeiro dia da agenda foi cercado de expectativas por parte da equipe, como destacou a secretária de Educação, Berenice Barbosa: “É uma imensa alegria poder vivenciar experiências tão importantes, que certamente irão contribuir para que a educação de Palmas avance ainda mais”.

Recebidos pela diretora do Reggio Children – Instituto Loris Malaguzzi, Paola Ricco, os professores palmenses tiveram o primeiro contato direto com as metodologias desenvolvidas na instituição e ainda visitaram o Nido d’infanza Gianni Rodari, onde conheceram as instalações onde, no dia a dia das crianças italianas, tais métodos são aplicados na prática.

Perspectivas

Ao término da primeira atividade, o prefeito de Palmas, Carlos Amastha se encontrou os professores participantes da missão no Instituto Loris Malaguzzi, conversou com todos os presentes, recebendo os primeiros retornos do que foi aprendido e as impressões iniciais da viagem de estudos.

Amastha reuniu-se com a secretária de Educação e futura prefeita em exercício da Comuna Reggio Emilia, Luna Sassi. Na ocasião, foi discutida a possibilidade de intercâmbio educacional entre a cidade italiana e Palmas.

A secretária recebeu do prefeito o convite para realizar palestra em Palmas no mês de abril, para compartilhar as experiências da missão, em data a ser agendada.https://mail.google.com/mail/u/0/images/cleardot.gif(Secom Palmas)