Saúde

Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social (Sedes), através da Diretoria de Proteção Básica, promoveu na manhã desta terça-feira, 08, no CRAS da Aureny IV, melhorias da saúde, através de convívio e lazer tendo como principal  fator  o cuidado com a alimentação e a prática de atividades físicas para o grupo de idosos. O evento contou com a participação dos acadêmicos em serviço social do Instituto Geralda Aldira e equipe técnica do Centros de Referência da Assistência Social (CRAS).

 Durante o evento, foram realizadas várias atividades física de lazer,  com a intervenção de profissionais da área, tendo como foco a apresentação de exercícios; palestra sobre alimentação saudável. As atividades se iniciaram com alongamento, caminhada entre outras ações, encerrando com um delicioso e saudável café da manhã.  

Para a coordenadora do projeto “Geralda Aldira sem Fronteiras”, do Instituto Geralda Aldira, o convívio em grupos de convivência ou de idosos é um espaço importante para desencadear, tanto na pessoa idosa quanto na comunidade, uma mudança comportamental. “Os grupos de convivência procuram fortalecer o papel social do idoso. Sendo assim, buscou-se através do presente projeto identificar a percepção dos idosos, através das atividades físicas, a interação e socialização referente à participação em grupos de convivência”, enfatizou.

Segundo a coordenadora do CRAS do Jardim Aureny IV, Clorizelda Viana da Silva, o evento teve uma avaliação positiva dos idosos que interagiram e cumpriram até o final todas as atividades. “Nesta manhã cumprimos nossos objetivos que foi tirar os idosos de sua rotina e afastá-los  do isolamento, além de levar ao conhecimento dos idosos a importância de uma alimentação saudável e a prática de atividades físicas para qualidade de vida,” explicou.

Maria Luzinete, 66 anos, hipertensa, falou das dificuldades que encontrava para se relacionar com as pessoas, e, só depois que começou a frequentar o grupo de idosos no CRAS, passou a ter novos amigos e sair do isolamento. “Cerca de alguns anos atrás, me sentia muito sozinha e tinha dificuldades de fazer amizades; hipertensa e com aneurisma vivia em depressão, mas hoje comemoro as amizades que pude fazer e tenho encontrado apoio e conhecido pessoas muito especiais no grupo de convivência de idosos,” destacou.

Projeto

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para Idoso é um projeto socioassistencial voltado ao atendimento do público idoso, baseado na PNAS e Política Nacional do Idoso, trabalhando numa perspectiva do envelhecimento saudável, contribuindo com uma qualidade de vida mais prazerosa.

Tem como objetivo geral proporcionar aos idosos atendidos nos 10 CRAS, atividades lúdicas, de lazer, culturais, inclusão produtiva, favorecimento do fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários bem como orientações referentes aos seus direitos relativos à carteira do idoso, BPC entre outros. Trata-se de um projeto que procura atender prioritariamente pessoas com 60 anos ou mais, que buscam atendimento/orientações técnicas nos CRAS.https://mail.google.com/mail/u/0/images/cleardot.gif (Secom Palmas)