Campo

Foto: Divulgação

O I Seminário Selo Combustível Social trará uma palestra sobre o Panorama da Agricultura Familiar do Tocantins inserida na produção do Biodiesel. A palestra faz parte da programação do Seminário, e será apresentada nesta quinta-feira, dia 10, às 16h, pelo Mestre Thadeu Texeira Júnior, pesquisador da Unitins/Agro. O evento ocorrerá no auditório do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia (IFTO), em Palmas. 

De acordo com o palestrante, a intenção é contextualizar os participantes a respeito do que o Tocantins já apresenta em termos de produção de matéria prima por parte dos agricultores familiares, como a soja que é repassada para as empresas com o Selo Combustível Social. “Queremos mostrar o que já foi feito e o que está previsto dentro do Programa de Fortalecimento da Cadeia Produtiva do Biodiesel. Vamos mostrar aos agricultores formas mais eficientes de alternância de cultivos para a produção de oleaginosas”, explicou Thadeu. 

Segundo o pesquisador, aproximadamente 24 produtores vendem o que produzem à Granol - Indústria, Comércio e Exportação S.A, em Porto Nacional com uma produção de 1.800 hectares de soja. Já a Biotins - Companhia Produtora de Biodiesel do Tocantins, localizada em Paraíso do Tocantins,recebe a produção de três mil hectares de matéria prima produzida pelos agricultores familiares, que são acompanhados com assistência técnica. 

Evento

O I Seminário do Selo Combustível Social do Tocantins acontecerá nos dias 10 e 11 de abril, sendo que já estão confirmados 120 inscritos. Ainda restam vagas, mas a organização lembra que são limitadas e os interessados devem apressar-se para realizar a inscrição pelo site www.seagro.to.gov.br. Realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Agricultura e Pecuária (Seagro), o Seminário pretende inteirar produtores da agricultura familiar, empresas produtoras de biocombustível e sociedade em geral sobre os benefícios do combustível renovável, oriundo principalmente de óleos vegetais. (Ascom/Seagro)