Polí­cia

Foto: Divulgação

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia Interestadual de Capturas – Polinter prendeu na tarde desta terça-feira, 15, Geovane da Silva Costa, 18 anos de idade. Ele é acusado de integrar uma quadrilha que é suspeita pela prática de vários assaltos a residências e estabelecimentos comerciais em Palmas.

De acordo com o delegado Reginaldo de Menezes Brito, responsável pelo caso, no dia 8 de fevereiro do corrente ano, a PC indiciou, José Domingos Alves Ribeiro, Wanderson Castro de Moura, Fábio Júnior Pereira dos Santos e Arinaldo da Silva Costa pelas práticas dos crimes de roubo, formação de quadrilha e receptação.

Por meio de um intenso trabalho de investigação, os Policiais Civis descobriram que um dos integrante da referida quadrilha havia conseguido fugir. No decorrer dos trabalhos policiais ficou comprovada a participação de Geovane na organização criminosa, sendo ele também considerado um dos líderes do bando.

Na tarde da terça-feira, os quatro homens acima citados estavam participando, no Fórum de Palmas, de uma audiência de instrução e julgamento do processo no qual são réus, quando Geovane também compareceu ao local a fim de prestar esclarecimentos e foi detido pelos agentes.

Ele foi levado até a sede da Polinter onde foi dado cumprimento ao mandado de prisão, expedido pela Vara Criminal de Palmas, em razão de sua participação nas atividades criminosas exercida pelo grupo preso anteriormente. Ele foi indiciado pelos mesmos crimes de seus comparsas e, após os procedimentos cabíveis, foi recolhido à Casa de Prisão Provisória de Palmas – CPPP, onde permanecerá à disposição da Justiça. (Ascom SSP)