Polí­cia

Foto: Ascom SSP Vítima com lesões nas mãos Vítima com lesões nas mãos
  • Vítima sofreu várias lesões na cabeça
  • Sobrinho da vítima

A Polícia Civil por intermédio da Segunda Delegacia de Gurupi, cumpriu, na tarde desta última quinta-feira, 5, mandado de prisão preventiva em desfavor de Patryck R. dos R., 18 anos de idade. Ele é suspeito de praticar o crime de roubo qualificado contra a própria tia, fato ocorrido em 02 de junho, ocasião em que um indivíduo com o rosto coberto atacou a vítima na saída da residência desta, inicialmente com uma faca de mesa.

Segundo a polícia, como a mulher resistiu à ação, o autor apossou-se de uma tesoura e tentou perfurar seu pescoço, porém ela continuou a lutar, ocasião em que o suspeito, utilizando-se de um facão, golpeou as mãos da tia, chegando quase a decepar-lhe os dedos.

Segundo informações da polícia, o rapaz chegou a perguntar à mulher se esta tinha dinheiro e um celular, e ao receber resposta negativa, disse a ela que estava mentindo, dando-lhe em seguida um golpe de facão na cabeça. Depois de sofrer várias agressões, a vítima conseguiu fugir, e o indiciado tomou rumo ignorado, levando consigo apenas um aparelho celular.

Desde então, a equipe de Policiais Civis passou a diligenciar no sentido de elucidar o crime, tendo êxito em localizar o suspeito na tarde de quinta-feira. Ao ser ouvido pela autoridade policial, Patryck confessou ser o autor do delito e entregou aos policiais um short com vestígios semelhantes a sangue, que segundo ele fora utilizado na data do crime, além de dar detalhes da prática criminosa.

Diante dos fatos, foi representado por sua prisão preventiva, o que foi acolhido pelo juízo plantonista e, desta forma o indivíduo foi recolhido à Casa de Prisão Provisória de Gurupi, onde permanecerá a disposição do Poder Judiciário. (Ascom SSP)