Campo

Foto: Iranilde Gonçalves

O Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) inicia nesta semana uma série de oficinas destinadas a treinar os técnicos extensionistas a operacionalizar o novo Sistema do Programa de Aquisição de Alimentos (Sispaa) na modalidade Compra Direta Local. A primeira oficina acontece nesta terça e quarta-feira ( 24 e 25), em Tocantinópolis, região do Bico do Papagaio, e nos dias 26 e 27 em Colinas do Tocantins, no Norte do Estado. Ao todo, serão realizadas sete oficinas contemplando todas as regionais do órgão.

De acordo com o coordenador estadual do PAA, Adenieux Rosa Santana, cerca de 30 técnicos, responsáveis pelos escritórios do Ruraltins, serão capacitados a realizar o processo de aquisição e doações dos alimentos adquiridos por meio do Compra Direta. “A partir de agora, todo o processamento acontece via Sispaa. Com isso houve uma desburocratização no processo de compra e cadastro dos produtores, como também deu mais celeridade ao pagamento do produtor, que já está sendo feito por meio do cartão de bancário”, disse o coordenador.

Ainda de acordo com o coordenador, nas regiões do Bico do Papagaio (extremo Norte) e no Norte do Estado mais de dois mil agricultores familiares comercializam seus produtos via Compra Direta. Nas duas regiões, o Ruraltins está presente em 30 municípios.

Produtor

O produtor Carlos Quirino, de 66 anos, morador do Reassentamento Córrego do Prata, município de Porto Nacional, é um dos exemplos de produtores que comercializam sua produção ao Programa. Quirino produz banana, mandioca e farinha.

Segundo ele, a nova modalidade de pagamento, por meio do cartão magnético, facilitará muito a vida dos produtores. “O cartão é uma das melhorias que veio nos ajudar e incentivar a continuar vendendo. Comercializamos nossa produção para o Compra Direta a preços muito bons”, frisou o produtor.

Sispaa

É o Sistema do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e consiste de uma plataforma da internet através da qual toda a gestão do Programa vai ser realizada. Por meio desta plataforma, é possível inserir os dados necessários para a operacionalização do Programa. Este sistema evitará o trânsito de papel entre os municípios e a União, possibilitando maior agilidade e transparência na execução do Programa e reduzindo a burocracia.

 Programa de Aquisição de Alimentos

O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) é uma das ações do programa Fome Zero, do governo federal, e promove o acesso a alimentos às populações em situação de insegurança alimentar, além de promover a inclusão social e econômica no campo por meio do fortalecimento da agricultura familiar. O Programa propicia a aquisição de alimentos de agricultores familiares, com isenção de licitação, a preços compatíveis aos praticados nos mercados regionais.

No Tocantins, conforme balanço da Assessoria Técnica e de Planejamento do Ruraltins, nos últimos três anos, o PAA adquiriu mais de 13 milhões em produtos da agricultura familiar, beneficiando cerca de cinco mil pequenos produtores rurais.https://mail.google.com/mail/u/0/images/cleardot.gif (Ascom Ruraltins)