Estado

Foto: Divulgação

O Ministério Público Estadual (MPE), por meio da Promotoria de Justiça de Tocantínia, expediu recomendação aos quatro municípios daquela Comarca com orientações sobre proteção ao cidadão e ao erário nos eventos e festividades que ocorrerão no período das férias de julho.

Voltada aos municípios de Tocantínia, Lajeado, Rio Sono e Lizarda, a recomendação aos prefeitos lembra que as festas e eventos promovidos pelo Município devem ser previamente comunicados à Polícia Militar. Caso existam áreas de banho, deve-se organizar uma equipe de supervisão, que atue sob orientação do Corpo de Bombeiros.

Ainda quanto à segurança, a recomendação lembra que as normas relativas à prevenção e aos procedimentos a serem tomados em casos de incêndio e pânico se aplicam, inclusive, a eventos realizados em locais abertos, onde haja aglomeração de pessoas.

O Ministério Público ainda ressalta que cabe aos municípios prestar assistência ao Conselho Tutelar, de modo a lhes garantir estrutura visível nos locais de festividade e veículo para locomoção.

No que se refere ao erário, a recomendação ressalta que a contratação de músicos e de estrutura deve obedecer à Lei de Licitações (Lei 8.666/93), a fim de que os gastos com essas ações não prejudiquem os investimentos em saúde, educação e outras áreas.

Publicidade

Os municípios devem garantir publicidade à recomendação do MPE, destacando que qualquer denúncia pode ser apresentada à Promotoria de Justiça de Tocantínia,ou por meio da Ouvidoria do Ministério Público, que pode ser acionada acessando o site www.mpto.mp.br.https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif(Ascom MPE)