Estado

Foto: Manoel Lima

O músico e compositor Toninho Borges tomou posse na manhã desta sexta-feira, 18, como diretor de Arte e Cultura da Secretaria de Estado de Educação e Cultura (Seduc). No cargo, a prioridade inicial do gestor será finalizar o processo dos Editais de Incentivo à Cultura e ampliar o diálogo com a classe artística, por meio da realização da Conferência Estadual de Cultura.

“É muito bom ter esse voto de confiança e vou me empenhar ao máximo para realizar todas as tarefas e ações que o cargo cobra, dando segmento aos programas e projetos já existentes, em especial ao encerramento das avaliações dos Editais de Cultura”, destacou Toninho, nomeado no último dia 23.

Ao tomar posse, o diretor de Arte e Cultura apresentou ainda as próximas ações a serem desenvolvidas pelo setor. Entre elas, está a adesão do Tocantins ao Sistema Nacional de Cultura e a elaboração do Plano Estadual de Cultura. “O Plano será discutido no mês de agosto numa conferência que será realizada em Palmas. Realizaremos ainda as pré-conferências indígena e quilombola, além da 4ª Conferência Estadual de Cultura com os delegados eleitos nas etapas municipais que devem ocorrer até o início de setembro”, enfatizou.

Perfil

Natural de Araçuaí, em Minas Gerais, Toninho Borges reside há cerca de dez anos em Palmas. Como músico, tem fortes ligações com a Música Popular Brasileira (MPB), mas sendo um artista que baseia seu trabalho na cultura popular, traz no repertório composições próprias e interpretações que contemplam a música regional do Tocantins.

Sua história profissional no estado também está ligada a ações de popularização da arte. Toninho Borges executou projetos relacionados à música e à cultura em comunidades indígenas e na região do Jalapão. Atualmente está à frente do projeto “Arte e Cultura na Praça”, levando música aos espaços públicos das cidades do estado e promovendo oportunidades para artistas locais. (Ascom Seduc)