Polí­tica

Foto: Divulgação Internauta atribuiu atitudes criminosas ao governador Internauta atribuiu atitudes criminosas ao governador

O desembargador Euripedes Lamounier, integrante da corte do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO), determinou à empresa Facebook Serviços on line do Brasil que retire propagandas consideradas criminosas contra o candidato à reeleição do Governo do Estado, Sandoval Cardoso (SD), da coligação "A Mudança Que Você Vê". A decisão, em caráter liminar foi publicada na tarde desta última quinta-feira, dia 24.

As postagens foram realizadas pelo usuário identificado apenas como Nando Vieira e atribuem atitudes criminosas ao candidato. 

Segundo informação da assessoria de imprensa da coligação do governador, o usuário será devidamente identificado em fase posterior do processo para responder civil e criminalmente pelo abuso, segundo informou o advogado da coligação Leandro Manzano. “A internet é um território livre para que todos expressem a sua opinião política, sem, no entanto, atribuir ao candidatos crimes que eles não cometeram. Estaremos atentos a esses abusos, como forma de garantir o debate em alto nível”, esclareceu  o advogado.