Estado

Na tarde da última terça-feira, 19, o Sintras reuniu com servidores e gestora da secretaria de saúde de Muricilândia para tratar da elaboração do plano de carreira dos servidores da saúde do município.

Após reunião, ficou acordado que até o dia 2 de setembro, a secretaria de saúde, Maria Lúcia Ramalho Dourado de Farias, encaminhará proposta para o Sintras, que analisará e retornará para a gestora uma contraproposta. Essa contraproposta também será encaminhada para a comissão analisar.

Depois de analisada pelas partes, o Sintras agendará outra reunião com a gestão municipal para dar continuidade ao processo de elaboração, aprovação e implantação do PCCR/saúde.

De acordo com o presidente do Sintras, Manoel Pereira de Miranda, a categoria almeja com urgência a implantação deste plano. Atualmente o município segue um plano geral, deixando a desejar as peculiaridades dos profissionais da saúde.

Entre os problemas enfrentados pela categoria é o não pagamento de insalubridade e do adicional noturno.  Outro ponto é a falta de regras para avaliação dos servidores para fins progressão.

“O plano implantado resolverá todos esses problemas, pois irá auxiliar a gestão municipal como proceder sobre os assuntos e consequentemente irá trazer um bom atendimento à população, que é o foco do servidor”, ressalta Miranda.

Comissão

Faz parte da comissão paritária que representa a categoria os servidores e membros titulares Rafael Alves Gonçalves, Edvânia Pereira de Sousa e Silva e Arivaldo Amâncio Carneiro, com os seus respectivos suplentes Jacione Vasconcelos Rodrigues, Girlene Moura do Nascimento e João Filho Pereira de Sousa.

Esta comissão foi constituída em setembro de 2013 e protocolada na secretária de saúde com pedido que assim que fosse publicada sua oficialização notificar o Sintras da formalização do documento.

Participaram da reunião os diretores da regional de Araguaina Ireno Fernandes Dias e José Félix de Sousa. (Ascom Sintras)

Por: Redação

Tags: Manoel Pereira de Miranda, Sintras