Estado

Foto: Divulgação
 

O defensor público geral, Marlon Costa Luz Amorim, deu posse nesta sexta-feira, 22, para mais um Defensor Público Substituto aprovado no último Concurso da Instituição. Felipe Lopes Barboza Cury era Defensor Público do Acre e foi empossado como Defensor Público do Tocantins, na sala do Conselho Superior da Defensoria Pública em Palmas, acompanhado de familiares, Servidores e Membros. A apresentação do Coral da Instituição “Canto Nobre”, com as músicas Sabiá e Quimeratins, abriu a solenidade marcada por muita emoção.  

Já como Defensor Público, Felipe Cury agradeceu a todos que contribuíram para a realização do sonho de ser Defensor Público do Tocantins, momento em que também parabenizou a Instituição pela estrutura fornecida para o bom desempenho dos trabalhos, firmando, desde já, o compromisso do cumprimento das funções institucionais. “Ingresso na carreira de Defensor Público, função essencial à administração da justiça e a mais humana dentre as carreiras jurídicas. A Instituição vive um momento ímpar no atual contexto brasileiro, ocorrendo seu fortalecimento a passos largos, vide recente aprovação da Emenda Constitucional nº 80. Isso representa uma vitória para a sociedade, sobretudo ao povo oprimido que vê na figura do Defensor Público o seu último recurso na luta contra as injustiças sociais. É com este sentimento que espero poder responder a sociedade que aguarda a sonhada igualdade expressa nos ideais da República e do Estado Democrático de Direito”, colocou Felipe Cury.

Ricardo Cury, pai do Defensor empossado, durante pronunciamento, agradeceu primeiramente a Deus pela conquista do filho, e reforçou a satisfação por Felipe ter seguido sua carreira do Direito. “O mérito é seu Felipe. Sempre tentamos lhe proporcionar o estudo para que chegasse neste momento e foi uma satisfação muito grande ver esta conquista, pois já sabia que o seu foco sempre foi a Defensoria Pública, agora em nova trajetória no Tocantins. A saudade que teremos pela distância será superada pela satisfação em ver a alegria em que ele abraça a Defensoria Pública do Tocantins. Entregamos nosso querido filho ao Tocantins e tenham a certeza que o juramento do cargo foi feito do seu coração e que ele atenderá e muito bem à comunidade carente do Estado”, disse.

O presidente da Adpeto– Associação dos Defensores Públicos do Tocantins, Fábio Monteiro dos Santos, reforçou a calorosa recepção feita e que com ela também aumenta a responsabilidade no exercício da função. “Parabenizo a família maravilhosa, que retrata a sua origem e esforço; é uma satisfação tê-lo entre nós. Parabenizo-o pela aprovação, nomeação e posse e esteja certo de que o concurso foi muito almejado e batalhado, e que estás ingressando numa instituição extremamente sólida e respeitada no Estado, que vai lhe ofertar uma estrutura digna de trabalho e que proporcionará ao assistido uma satisfação em ser atendido”, reforçou Fábio Monteiro.

A corregedora-geral em exercício, Maria de Lourdes Vilela, também deu as boas vindas ao novo Defensor Público e reforçou que a Defensoria Pública é uma família, ressaltando o compromisso de todos os Servidores e Membros na prestação dos atendimentos à população.

“Sou um apaixonado pela causa institucional e tento passar isso para todos os Servidores e Membros. Ser Defensor Público é uma vocação, satisfação e honraria; é uma das funções mais humanas, pois somos o braço social do Estado, atendemos o Assistido com zelo e proteção. A posse dos colegas para mim é mais que um momento simbólico e sim uma mudança de vida, fico emocionado, defensor Felipe Cury, com sua vontade de trabalhar de se doar para aqueles que mais precisam. E nossa missão é ser sempre referência, com ações linkadas a nossa missão institucional, na prestação do atendimento jurídico integral e gratuito. Sinta-se Felipe Cury acolhido nesta casa”, disse o defensor público geral, Marlon Amorim.

 Presentes na solenidade de posse do defensor Felipe Cury o subdefensor público geral, Alexandre Elias El Zayek, as defensoras públicas Letícia Amorim, Luciana Olianni, Elydia Monteiro, Aldaíra Parente Braga, Vanda Sueli Machado, Adriana Camilo. 

 Felipe Lopes Barboza Cury

Natural de Teresina-PI, Felipe Lopes Barboza Cury bacharelou-se em Direito pelo Centro de Ensino Unificado de Teresina - PI, concluindo o curso no ano de 2011. Especializou-se em Direito Civil e Processual Civil (pós-graduação lato sensu) pela mesma Instituição de Ensino Superior. Exerceu a advocacia no Estado do Piauí e foi aprovado nos concursos públicos de Analista do TJ/MA, Assessor Jurídico da Câmara Municipal de Teresina, Advogado da Fundação Municipal de Saúde (Teresina, PI) e Defensor Público do Estado do Acre, exercendo este cargo antes de tomar posse no cargo de Defensor Público do Estado do Tocantins no ano de 2014, sendo titular da Comarca de Pedro Afonso e respondendo, cumulativamente, pela Comarca de Teresina. (Ascom Defensoria)