Saúde

Foto: Divulgação

Técnicos de 34 municípios do Tocantins se reúnem nesta quarta-feira, 27 de agosto, às 9h, no auditório do Ministério Público do Estado (MPE) para avaliar indicadores epidemiológicos das principais doenças transmissíveis por vetores e zoonoses no Estado, dentre elas a Dengue, a Leishmaniose e a Doença de Chagas.

Segundo a coordenadora de Doenças Vetoriais e Zoonoses, Perciliana Bezerra de Carvalho, essas doenças prevalecem entre as endemias encontradas no Estado e serão o foco do encontro, que tem como proposta avaliar os indicadores das ações de prevenção a essas doenças, avaliar a integração das vigilâncias municipais com a atenção básica e a acessibilidade do paciente à rede de atendimento municipal.

Dengue

Em todo o Estado, segundo a Área Técnica da Dengue e Febre Amarela, foram notificados 8.388 casos de dengue este ano, o que representa uma redução de 54% em relação ao mesmo período de 2013, onde foram notificados 18.153 casos. Ao todo, 10 municípios, considerados prioritários concentram 75% das notificações de casos suspeitos em todo o Estado.

Municípios

Participam do encontro técnicos representantes de Palmas, Araguaína, Gurupi, Miracema do Tocantins, Paraíso do Tocantins, Porto Nacional, Guaraí, Miranorte, Dianópolis, Natividade, Tocantinópolis, Augustinópolis, Araguaçu, Lizarda, Alvorada, Colinas do Tocantins, Axixá do Tocantins, Santa Fé do Araguaia, Xambioá, Colméia, Wanderlândia, Araguatins, Filadélfia, Goianorte, Esperantina, Jaú do Tocantins, Formoso do Araguaia, Peixe, Taguatinga, Ananás, Pedro Afonso, Recursolândia, Couto Magalhães e Ipueiras. (Ascom Sesau)