Esporte

Foto: Manoel Lima

Um dos destaques da etapa regional de Palmas dos Jogos Estudantis do Tocantins (Jets) que começou no último dia 20, é o aluno Marcus Vinicius Luiz Ferreira da Silva, do Centro de de Ensino Médio Castro Alves. O atleta é goleiro do time de futsal da escola e, além das defesas para o time, uma outra característica chama a atenção no jovem atleta. Marcus Vinicius tem uma deficiência física no membro inferior.

Aos sete anos ele desenvolveu uma atrofia na perna esquerda, e passou a andar com a ajuda de muletas. Mesmo assim ele conta que começou a praticar esportes na escola, e desenvolveu afinidade com o futsal. Na quadra ele não usa os apoios para andar e se mantém em pé apoiado na perna direita, o que para ele, não é nenhum problema. “A minha perna só não desenvolveu, isso não me atrapalha em nada, meus colegas e adversários jogam comigo de igual para igual, sou muito feliz”, disse.

Esta é a primeira vez que Marcus Vinicius, de 17 anos e aluno do 2º ano do Ensino Médio, participa dos Jogos Estudantis do Tocantins. O auxiliar técnico do time de futsal do CEM Castro Alves, Marcio Ricardo Medeiros Oliveira, conta que o goleiro é talentoso e a deficiência não o atrapalha nas partidas. “Ele poderia ter participado dos Jets no ano passado, mas como foi o primeiro ano dele na escola, não conhecíamos seu talento. Quando descobrimos que ele é um ótimo goleiro, pensamos que tínhamos de ter colocado ele no time. Este ano ele está na equipe desde o começo, não era o titular, mas em virtude do seu bom desempenho acabou conquistando a vaga”, frisou.

O professor destacou ainda que, mesmo com as dificuldades físicas, nenhum companheiro de equipe ou adversário facilita a vida do goleiro do Castro Alves. “A limitação física dele é visível quando ele está andando com os outros garotos, por exemplo, mas dentro da quadra ela desaparece, ninguém facilita um chute, uma bola, os adversários querem fazer gol e os companheiros de equipe esperam que ele defenda, então neste momento é como se ele tivesse as duas pernas, pronto para jogar. E tem mais, ele é respeitado pelos colegas”, acrescentou.

Lucas Arruda era o goleiro titular do time antes da chegada de Marcus Vinicius. Para ele, tudo bem ser substituído pelo colega. “Ele é um ótimo goleiro, a gente pensa que a deficiência dele dificulta muito, mas a paixão dele é jogar bola, ele se esforça, tira de letra, por isso é titular e não é nenhum problema, para mim, ser substituído por ele”, pontuou.

Bom desempenho

A empolgação das quadras, contudo, não desvia a atenção do aluno na sala de aula, onde Marcus Vinicius se dedica aos estudos, segundo o professor Marcio Ricardo.“Ele é um excelente aluno, tem ótimas notas, entre 9 e 10”, completou.

O time do Marcus Vinicius está na semifinal da Regional de Palmas, dos Jogos Estudantis do Tocantins, que termina nesta sexta-feira, 29. A etapa de Palmas dos Jets conta com a participação de 635 alunos, de 15 a 17 anos, de 31 escolas da capital, disputando as modalidades tênis de mesa, vôlei, vôlei de praia, futsal, basquete e xadrez. Esta etapa classifica os alunos para a final estadual, realizada em setembro, também na capital. (Ascom Seduc)