Empregos e Serviços

Foto: Angelica Mendonça

O Governo do Estado concedeu progressão e pagamento de subsídios para mais de 3.600 profissionais da saúde. Entre os benefícios estão o reajuste dos vencimentos em parcelas cujos cronogramas de pagamento começam na folha de janeiro e seguem, de acordo com os valores, até dezembro de 2015.

Conforme o secretário de Estado de Administração, Lúcio Mascarenhas, o pagamento será feito conforme a tabela salarial do servidor. “Aqueles que têm menos a receber vão receber mais rápido. Quem tem um salário mínimo para receber, recebe em uma parcela; dois salários em duas parcelas, e em até 12 meses todos os servidores já terão recebido”, disse.

A ação, além de possibilitar mais qualidade de vida para o servidor, consequentemente melhora o atendimento prestado à comunidade.  “No momento em que se concede a progressão e a promoção para o servidor, aumenta-se a condições para o servidor realizar um empréstimo e passar a ter um imóvel próprio, seu carro. O servidor trabalha mais motivado”, ressaltou.

Benefícios

Todos os servidores que fazem parte da Lei 2670 (Plano de Cargos, Carreiras e Remunerações – PCCR - da Saúde) têm direito a progressão. O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Tocantins (Sintras), Manoel Pereira de Miranda, destacou que além das progressões, os servidores estão sendo beneficiados com o ajuste de insalubridade e adicionais noturnos.  “São três benefícios de uma vez só. Já está homologado e publicado no Diário Oficial do Estado”, ressaltou.

Fruto de uma negociação do governo do Estado com os sindicatos que agregam mais de 70% dos servidores da saúde, ainda de acordo com Manoel Miranda, a iniciativa teve uma recepção muito positiva. “Incluir na vida do servidor a progressão é aumentar seu poder aquisitivo e melhora em tudo na vida dele”, disse. A ação também demonstra que o plano de progressão do servidor está ativo.

Melhorias

A assistente de Saúde Kellma Camelo Gomes está entre os 3.649 servidores beneficiados e destacou que a iniciativa do Estado é uma garantia de direito que é muito bem-vinda. “Esses benefícios organizam a nossa vida financeira e é uma ação de valorização do servidor, do nosso trabalho, do nosso desempenho”, ressaltou.

Com o PCCR ativo, os servidores recebem naturalmente, sem precisar fazer nenhuma solicitação. A auxiliar de enfermagem Rosilene Lopes já faz planos para o futuro. “Com esse dinheiro que vai entrar em 2015, vou pagar a minha faculdade. Cada ano que passa, vamos ter a progressão e isso é muito bom, todos recebem com muita alegria”, apontou. 

A assistente de serviço da Saúde Zildene Gomes, concursada em 2005, ressalta que a categoria já aguardava com ansiedade o beneficio financeiro, que tem um impacto muito positivo. “Vai melhorar a nossa situação financeira e serve como uma motivação a mais. E agora que saiu no Diário Oficial, a gente fica muito feliz”, ressaltou. (ATN)