Esporte

Foto: Marcus Mesquita

Disputando os Jogos Escolares da Juventude (JEJ), categoria 12 a 14 anos, em Londrina /PR, alunos atletas do Tocantins seguem em busca de vitórias na competição. Nesta quinta-feira, 11, o Estado entra em quadra para definir partidas de voleibol, basquetebol, handebol e futsal.

O time do handebol feminino do Tocantins enfrenta o Amapá, às 15h15, na quadra da Unopar-Piza. E as expectativas são boas, já que a equipe começou a competição com vitória. No jogo de estreia, na quarta-feira, 10, as jogadoras do Centro Educacional Fé e Alegria (Cefya) Frei Antônio superaram as representantes da Bahia.

Com placar final de 16 a 7 contra as baianas, o time tocantinense fez uma boa partida. No primeiro tempo, fechou o placar com o dobro do placar das adversárias: 6 a 3. Já no segundo tempo, a equipe ampliou em 10 o número de gols marcados, encerrando a partida na frente. 

“A gente só falava em jogar e queríamos logo começar a competição, por isto, ficamos muito ansiosas antes do jogo. No primeiro tempo, acho que a ansiedade atrapalhou, mas no segundo tempo melhoramos bastante e conseguimos garantir bem a vitória”, disse a capitã e ala-armadora do time, Luisa Maria Rodrigues Borges.

Responsável pela maioria dos gols marcados pelas tocantinenses contra as baianas, a estudante Vitória Pereira de Sousa revelou que precisou atacar de psicóloga e conversar as colegas de equipe para garantirem um bom resultado em quadra. “Eu notei que tinha muita gente nervosa, até porque todo muito veio com muita vontade de jogar. Ainda bem que consegui acalmar as meninas com uma conversa durante o jogo; depois disto, a gente evoluiu e se impôs no jogo”, destacou a jogadora, que marcou sete gols na partida. 

Basquetebol

Ainda na quarta-feira, as alunas-atletas da Escola Municipal Anne Frank, de Palmas, venceram as estudantes de Rondônia no basquetebol feminino. O jogo foi equilibrado até o fim e as tocantinenses fecharam a partida com placar de 22 a 20.

“Foi a partida mais dura que fiz na vida. Acho que por eu me movimentar muito em quadra, elas me caçaram e eu apanhei muito durante o jogo. O bom de um jogo difícil é que a gente pega mais experiência para a próxima partida”, avaliou a armadora tocantinense Kamilla Nunes Tavares. 

Com duas vitórias acumuladas, o Tocantins precisa apenas de um êxito contra a equipe de Londrina nesta quinta-feira, 11, para garantir uma vaga para a próxima fase.  A partida será às 11 horas, no Ginásio de Esportes JD Bandeirantes. 

Para a camisa 7 e capitã do time tocantinense, Iasmim Pacheco Rocha, ter superado um jogo difícil ajuda a equipe a ficar mais focada para o próximo confronto. “O bom disto tudo é que a gente vai mais alerta e unida contra Londrina, para não precisar sofrer tanto e tentar garantir a vitória, que é importante para a gente”, destacou a ala da equipe. 

No masculino, os alunos-atletas do basquete enfrentam Alagoas nesta manhã desta quinta, na quadra do Londrina Country Club. Na primeira partida nos JEJ, os tocantinenses do Colégio São Geraldo, de Paraíso, já superaram o Amapá pelo placar de 64 a 16. 

Futsal

Nesta quinta-feira, 11, a equipe feminina de futsal do Tocantins enfrenta o time do Amapá, às 11 horas, no Ginásio de Esportes Pedro Dias. Jogo importante, já que após o time da Escola Estadual Adá de Assis Teixeira, de Goiatins, vencer Alagoas por 5 a 0, o grupo perdeu a segunda partida para Roraima por 4 a 3.

Outro que enfrentou um revés foi o time masculino de futsal. Depois de vencer Rondônia por 3 a 2, a equipe do Cefya perdeu ontem para o Mato Grosso do Sul pelo placar de 4 a 3. Nesta quinta-feira, 11, o time tocantinense enfrenta o Amapá, no Ginásio de Esportes Lar Anália Franco, às 9h45. 

Voleibol

Já no voleibol, as tocantinenses do Dom Bosco amargam duas derrota nos JEJ, contra o Rio de Janeiro e o Paraná. Nesta quinta-feira, 11, o time segue em busca da primeira vitória contra Sergipe, às 16h30, na quadra da Arel. 

A equipe masculina de voleibol também entra em quadra nesta quinta contra Alagoas, às 9h45, na quadra do KEC. Os alunos-atletas do Colégio Estadual Leônidas Duarte, de Araguatins, tem uma derrota para a Bahia e uma vitória em cima do Amapá. (Ascom Seduc)