Meio Ambiente

Foto: Fernando Alves

O Cadastro Ambiental Rural (CAR) no Estado vai ganhar novo reforço de investimentos por meio do Programa de Investimento Florestal (FIP) do Banco Mundial e Ministério do Meio Ambiente. Serão investidos cerca de US$ 32 milhões para ações de CAR em nove estados contemplados com o Programa, dentre eles o Tocantins. O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semades), vai validar, monitorar e acompanhar as ações e os resultados do projeto.

Serão 13 municípios do Estado contemplados durante quatro anos de duração do projeto. “A grande estratégia é incentivar a redução do desmatamento e dos incêndios florestais no Cerrado, bem como buscar a adequação ambiental da propriedade rural e a manutenção de corredores ecológicos e diminuir a pressão sobre a biodiversidade e os recursos hídricos do bioma”, explica o diretor de Meio Ambiente da Semades, Rubens Brito.

Atualmente os estados estão discutindo os acordos de cooperação técnica e os planos de trabalhos. A partir desses documentos serão definidos resultados e metas a serem alcançados. Além do Tocantins, serão beneficiados os estados do Maranhão, Minas Gerais, Goiás, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal e Paraná.

O Banco Mundial já aprovou o projeto e agora aguarda a aprovação do Senado para o início efetivo previsto para março de 2015. Como resultados do projeto espera-se, o fortalecimento dos órgãos estaduais e pelo menos 70% dos pequenos imóveis rurais e 50% dos demais imóveis rurais cadastrados em cada um dos municípios selecionados. (Ascom Semades)